Prime Time

seg - sex

Apresentação

Ao vivo

A seguir

    Críquete: conheça a história e quais são as regras do jogo

    Original da Inglaterra e considerado parecido com o beisebol, poucas pessoas conhecem o críquete; entenda mais sobre o esporte

    Como se joga críquete? Conheça como funciona e as regras do jogo - Imagem: Shutterstock

    Da CNN

    Embora não seja tão conhecido no Brasil como outros esportes — afinal, estamos falando do país do futebol —, o críquete é um esporte com origem inglesa mas que é jogado também por brasileiros.

    Além de ser popular no País de origem, o críquete é um esporte comum em outros países, como Inglaterra, Austrália, Índia, Paquistão, Bangladesh, África do Sul, Nova Zelândia, Sri Lanka e Caribe.

    Mas, para os que não ouviram falar, há muitas dúvidas: o que é o críquete? Qual é a história desse jogo? Como se joga? Ele faz parte das Olímpiadas? Quais são os grandes nomes desse esporte?

    A seguir, entenda melhor sobre o assunto.

     

    O que é o críquete?

    O críquete, também chamado de cricket em inglês, é um esporte de equipe jogado com uma bola dura, um bastão e dois times de onze jogadores cada. Ele tem origem na Inglaterra, entre os séculos 16 e 17, sendo considerado semelhante ao beisebol.

    Qual é a história do críquete?

    / Qual é a origem do esporte críquete? – Imagem: Shutterstock

    A origem exata do esporte críquete é incerta, mas sabe-se que o jogo teve sua origem na Inglaterra, possivelmente no século XVI.

    Acredita-se que a história do críquete evoluiu a partir de outros jogos antigos praticados na Europa, como o “stoolball” e o “trap-ball”, que eram jogados com um bastão e uma bola.

    O críquete ganhou popularidade no século XVIII e tornou-se um esporte organizado com regras estabelecidas.

    Em 1744, foi escrito o primeiro registro conhecido de um jogo de críquete, que aconteceu em Londres, na Inglaterra.

    As primeiras partidas de críquete aconteciam entre regiões vizinhas, e o esporte rapidamente se espalhou para outras partes do país.

    Charles Lennox, 2º Duque de Richmond, foi uma figura influente no início do críquete. Durante o século XIX, o críquete tornou-se um esporte popular em todo o Império Britânico, especialmente na Índia, onde foi introduzido pelos colonizadores britânicos.

    O críquete tornou-se um símbolo de status e uma forma de conectar a elite britânica com a cultura local.

    Em 1961, as municipalidades inglesas modificaram as regras para fornecer uma forma variada de jogos com um número restrito de overs por equipe. A popularidade foi tão grande que gerou o surgimento dos jogos internacionais de um dia (ODI), em 1971.

    O Conselho Internacional de Cricket (ICC) adotou rapidamente o novo jogo e realizou a primeira copa do mundo de cricket ODI, em 1975.

    O críquete continuou a evoluir com o tempo, com novas regras sendo adicionadas e novos formatos de jogos introduzidos.

    Como o críquete começou no Brasil?

    A história do críquete no Brasil começou no século XIX no Rio de Janeiro, capital e coração do País, mas também teve força em São Paulo.

    Entre as explicações possíveis, o principal fator para isso foi a relação de negócios que existe entre o Brasil e os britânicos.

    O esporte era jogado principalmente por expatriados britânicos que trabalhavam em empresas britânicas estabelecidas no país.

    Em 1872, foi fundado o Rio Cricket e a Associação Atlética e, depois disso, veio o Athletic Club, de São Paulo, o Clube Internacional de Cricket e o Club de Cricket Victória, ambos da Bahia.

    No entanto, o esporte não ganhou tanta força devido ao futebol. Somente em 2001 foi criada a Associação Brasileira de Críquete (ABC), com o objetivo de promover e desenvolver o esporte no Brasil.

    Outro fato sobre a chegada do esporte no Brasil é que ele ficou conhecido como taco. Além disso, muitas pessoas confundem com o esporte de croquet, no entanto, não tem nenhuma relação além do nome parecido.

    Como se joga críquete? Veja as principais regras

    / Como é um jogo de críquete? – Imagem: Shutterstock

    O esporte críquete é uma modalidade que requer muito treinamento e habilidade. Os jogadores precisam ter boa técnica de rebatida, arremesso e defesa, além de uma boa forma física e resistência para aguentar jogar por várias horas seguidas.

    As regras deste esporte podem ser um pouco complicadas para quem nunca ouviu falar do jogo, por isso, é importante esclarecê-las. Entenda como se joga críquete a seguir.

    Qual é o objetivo do jogo?

    O objetivo do jogo de críquete é marcar mais corridas do que o time adversário, e isso é feito ao bater a bola com o bastão e correr de um lado do campo para o outro.

    Para isso, a defesa precisa eliminar os 10 wickets adversários e o ataque busca conseguir o maior número de corridas. Cada equipe tem um turno de rebatidas e um turno de arremessos e defesas.

    O campo de críquete é ovalado e possui um interno, onde o jogo principal ocorre, e um externo, onde os jogadores que estão rebatendo tentam marcar corrida.

    Os jogadores da equipe que está arremessando tentam retirar os jogadores da equipe adversária acertando os wickets, que são três postes verticais com duas pequenas travessas horizontais no topo, localizados no final do campo de arremesso.

    Se a bola acerta o wicket e derruba as travessas, o jogador é eliminado. Se o jogador rebate e ela vai para fora do campo sem tocar o chão, ele marca quatro corridas. Se a bola vai para fora do campo após tocar o chão, ele marca duas corridas.

    Regras gerais do críquete

    O jogo segue quarenta e duas leis do críquete, desenvolvidas pelo Marylebone Cricket Club. Algumas das regras gerais são:

    • o jogo começa com um sorteio, no qual o capitão vencedor decide se sua equipe irá bater (score) ou lançar (field) primeiro.
    • a equipe que bate (score) tem dois batedores no campo ao mesmo tempo, e a equipe que lança (field) tem um arremessador e dez jogadores de campo.
    • o arremessador (bowler) lança a bola para o batedor (batsman) que tenta acertá-la e marcar corridas.
    • se o batedor é eliminado (dismissed) pela equipe que lança, outro jogador o substitui. As formas de eliminação incluem ser pego (caught), ser atingido pelo arremesso (hit wicket), ter as bolas do arremessador acertando o alvo (bowled), entre outros.
    • o jogo se divide em innings, com cada equipe tendo a oportunidade de bater (score) e lançar (field) uma vez. O vencedor é determinado pela equipe que marcar mais corridas ao longo dos innings.

    Pontuação

    No críquete, para entender como se joga críquete, é preciso também compreender a pontuação.

    Ela é medida em corridas (runs). Cada vez que o batedor (batsman) e o companheiro de equipe na outra extremidade (non-striker) trocam de lugar (cruzam) entre as bases, uma corrida é registrada.

    A pontuação pode aumentar de várias maneiras. Se a bola bate na cerca do perímetro do campo (boundary) sem tocar o chão, são quatro corridas. Se a bola ultrapassa a cerca sem tocar o chão, são seis corridas.

    Se a bola é jogada pelo campo e ultrapassa as linhas de delimitação (boundary) em qualquer lugar antes de tocar o chão, são cinco corridas ao batedor.

    Equipamentos usados

    / Como se joga críquete? – Imagem: Shutterstock

    Os equipamentos do críquete incluem:

    • bola: a bola de críquete é feita de couro e pesa entre 155,9 e 163 gramas;
    • taco: o taco de críquete é feito de madeira e tem uma lâmina plana com uma pega na extremidade;
    • equipamento de proteção: os batedores usam capacete, caneleiras, coxas e protetor genital. Os goleiros usam luvas, caneleiras e capacete;
    • wickets: os wickets são dois postes de madeira colocados a uma distância de 22,9 metros um do outro e têm três pequenos pinos apoiados em cima deles.

    Duração do jogo

    A duração de um jogo de críquete pode variar de algumas horas a vários dias, dependendo do formato do jogo. Os três formatos mais comuns são:

    • test cricket: é o formato mais longo do críquete e pode durar até cinco dias. Cada equipe joga duas vezes, uma vez batendo (batting) e outra lançando (fielding), em innings separados. Geralmente dura entre 30 e 35 horas de jogo;
    • one-day cricket: este formato é jogado em um único dia e cada equipe tem um limite de 50 overs (sequência de seis lançamentos). Um jogo de one-day cricket geralmente dura cerca de oito horas;
    • twenty20 cricket: é o formato mais curto do críquete e é jogado em um único dia. Cada equipe tem um limite de 20 overs e um jogo de Twenty20 cricket geralmente dura cerca de três horas.

    O críquete participa das Olimpíadas?

    O esporte críquete já participou dos jogos olímpicos, na edição de 1900. No entanto, ele foi logo retirado do quadro Olímpico por conta de suas regras pouco definidas e baixa adesão de jogadores.

    Atualmente, não faz parte dos Jogos Olímpicos de Verão (Olimpíadas mundiais) até o momento, mas existe uma movimentação para que ele faça parte das Olímpiadas de Los Angeles.

    Recentemente, ele participou de torneios como os Jogos da Commonwealth de Birmingham 2022 e nos Jogos Asiáticos de Hangzhou 2022.

    Jogadores de críquete que fizeram história

    Alguns nomes importantes da história do críquete são:

    • Sachin Tendulkar;
    • Vivi Richards;
    • Brian Lara;
    • Don Bradman;
    • Imran Khan;
    • Ian Botham;
    • Shane Warne;
    • Muttiah Muralitharan;
    • Garfield Sóbrios;
    • Virat Kohli.

    Acompanhe tudo sobre esportes na CNN

    Tópicos

    Tópicos