Prime Time

seg - sex

Apresentação

Ao vivo

A seguir

    CNN Esportes

    Com dois a menos, Corinthians arranca empate com o Palmeiras na Arena Barueri

    Rodrigo Garro marcou o gol do 2 a 2 aos 54 minutos do segundo tempo

    Garro comemora com jogadores do Corinthians o gol do empate no Dérbi, enquanto palmeirenses lamentam
    Garro comemora com jogadores do Corinthians o gol do empate no Dérbi, enquanto palmeirenses lamentam VINICIUS NUNES/AGÊNCIA F8/ESTADÃO CONTEÚDO

    Luccas Oliveirada CNNBrenno Costa, Luis Fabianida Itatiaia

    Em um Dérbi difícil de explicar, Palmeiras e Corinthians empataram por 2 a 2, neste domingo (18), na Arena Barueri, pela 9ª rodada do Campeonato Paulista.

    O gol do empate corintiano veio aos 54 minutos do segundo tempo, em cobrança de falta de Rodrigo Garro, quando o time tinha dois jogadores a menos — Cássio foi expulso e Yuri Alberto sofreu lesão na costela.

    O Palmeiras vencia por 2 a 0 até os 41 minutos do segundo tempo, com gols de Endrick e Flaco López, quando Yuri Alberto diminuiu o placar. Cássio foi expulso depois disso, por falta em Rony, e o zagueiro Gustavo Henrique foi para o gol.

    Ele ainda chegou a fazer uma defesa nos minutos finais da partida.

    Como fica a classificação

    O Palmeiras se mantém na primeira colocação de seu grupo, com 20 pontos conquistados. A equipe está praticamente garantida na próxima fase do Campeonato Paulista.

    Por outro lado, o Corinthians piorou ainda mais sua situação na tabela do Paulistão. A equipe se mantém com nove pontos, estando a quatro de distância da Inter de Limeira, vice-líder da chave.

    Próximos jogos

    O Palmeiras volta a campo no próximo sábado (24), também pelo Campeonato Paulista. O adversário será o Mirassol, dentro de casa, às 18h (de Brasília).

    O Timão, por sua vez, volta suas atenções para a Copa do Brasil. Os comandados de António Oliveira encaram o Cianorte, em Maringá-PR, na quinta-feira (22).

    Problema de cara

    Mesmo se impondo sobre o Corinthians, a primeira notícia neste Dérbi ao palmeirense não foi positiva. O capitão Gustavo Gómez alegou desconforto e pediu para ser substituído ainda nos minutos iniciais da partida.

    O camisa 15 ainda tentou seguir em campo, mesmo com dores, mas não suportou. A opção do técnico Abel Ferreira foi pelo jovem Naves.

    Cara a cara

    O Palmeiras teve a primeira chance clara e manifesta de gol, nos pés de Flaco López. A pontaria do artilheiro alviverde na temporada, porém, não parecia tão calibrada como nos outros jogos desta edição do Campeonato Paulista.

    Endrick recuperou a bola no meio-campo e logo lançou o camisa 40. Ele ficou cara a cara com Cássio, teve tempo, espaço, mas chutou rasteiro para fora.

    A estrela

    O menino Endrick reassumiu o papel de protagonista no Palmeiras mesmo após mais de um mês com a Seleção Pré-Olímpica. E neste domingo (18), logo em um Dérbi, o garoto voltou a balançar as redes com a camisa alviverde.

    Após vacilo na saída de bola do Corinthians, Richard Ríos recebeu pelo lado direito e rolou para Endrick. O garoto trouxe para a perna esquerda e finalizou com força. A bola ainda bateu em Cássio antes de se encontrar com as redes.

    Pintura anulada

    Logo nos minutos iniciais do segundo tempo, a Arena Barueri explodiu com o que seria o segundo gol do Palmeiras na partida. O VAR, no entanto, frustrou os alviverdes.

    No lance, Endrick encontrou Marcos Rocha, livre, aberto pelo lado direito. O lateral ameaçou o cruzamento, trouxe para a perna esquerda e mandou no ângulo de Cássio. O camisa 2, porém, estava em posição de impedimento na origem da jogada.

    A marca do artilheiro

    Endrick, o camisa 9 do Palmeiras no sentido literal, desfilou sobre a defesa do Corinthians. Flaco López, o camisa 9 do Palmeiras na conotação de um centroavante goleador, também.

    Aos 23 minutos do segundo tempo, o centroavante subiu de cabeça após escanteio de Piquerez e ampliou para o time alviverde. Ele chegou, assim, a seis gols em seis partidas neste Paulistão.

    O alento

    Quando já parecia ter jogado a toalha, o Corinthians conseguiu esboçar uma reação com a bola nas redes. O gol veio dos pés de Yuri Alberto, aos 40 minutos da segunda etapa.

    No lance, Gustavo Mosquito recebeu de Matheus França e conduziu à linha de fundo. Ele cruzou rasteiro e encontrou Yuri Alberto, livre, que bateu firme, com desvio, e diminuiu o placar.

    11×10

    Aos 45 minutos do segundo tempo, Rony fiou cara a cara com Cássio e foi derrubado pelo goleiro do Corinthians fora da grande área. O arqueiro foi expulso e precisou ser substituído por um jogador de linha, já que a equipe havia concluído as cinco substituições permitidas.

    Gustavo Henrique foi o escolhido para assumir a meta corintiana.

    Para a eternidade

    Sem goleiro, e com um time praticamente desmantelado, o Corinthians praticamente jogou a toalha na Arena Barueri. Tudo se não fosse o brilhantismo do meia argentino Rodrigo Garro.

    Aos 54 minutos do segundo tempo, e de muito longe, o camisa 16 cobrou falta com perfeição e acertou o ângulo de Weverton, que tirou as mãos achando que a bola iria para fora. Tudo igual no placar.

    Palmeiras 2×2 Corinthians

    Palmeiras: Weverton; Luan, Gustavo Gómez (Naves) e Murilo; Marcos Rocha, Zé Rafael (Gabriel Menino), Aníbal Moreno, Richard Ríos e Piquerez; Endrick e Flaco López (Rony). Técnico: Abel Ferreira.

    Corinthians: Cássio; Fagner, (Matheus França) Félix Torres, Gustavo Henrique e Caetano (Hugo); Raniele, Fausto Vera (Biro) e Rodrigo Garro; Romero (Gustavo Mosquito), Wesley (Pedro Henrique) e Yuri Alberto. Técnico: António Oliveira.

    Gols: Endrick (42 min 1ºT) e Flaco López (22 min 2ºT), para o Palmeiras; Yuri Alberto (40 min 1ºT) e Rodrigo Garro (54 min 2T), para o Corinthians.

    Cartões amarelos: Romero e Gustavo Henrique, do Corinthians; Gustavo Gómez e Endrick, do Palmeiras.

    Cartões vermelhos: Cássio, do Corinthians.

    Público: 29.547.

    Renda: R$1.557.484.

    Motivo: nona rodada do Campeonato Paulista.

    Data e hora: 18 de fevereiro (domingo), às 18h (de Brasília).

    Local: Arena Barueri, em São Paulo-SP.

    Árbitro: Raphael Claus.

    Assistentes: Danilo Ricardo Simon Manis e Alex Ang Ribeiro.

    Árbitro de vídeo: Daiane Muniz dos Santos.

    Acompanhe CNN Esportes em todas as plataformas

    Este conteúdo foi criado originalmente em Itatiaia.

    versão original