Prime Time

seg - sex

Apresentação

Ao vivo

A seguir

    CNN Esportes

    Conmebol indica estreia do São Paulo na Libertadores com uniforme que não existe

    Documento enviado pela entidade com combinação para primeira rodada mostra Tricolor contra o Talleres com camisa preta, que não tem na coleção atual

    Foto: Reprodução

    Marcel RizzoGuilherme Abrahãoda Itatiaia

    No documento oficial que enviou às federações nacionais e clubes sobre a combinação de uniformes para a primeira rodada da Copa Libertadores, que será na semana que vem, o São Paulo estreará contra o Talleres, na Argentina, com uniforme todo preto: camisa, calção e meias.

    O problema é que o Tricolor paulista não tem camisa preta na sua coleção atual, portanto não tem como jogar com esse modelo. O jogo será em 4 de abril, às 21h (de Brasília), no estádio Mario Kempes em Córdoba, na Argentina.

    O Grupo B da Libertadores ainda tem o Barcelona de Guayaquil-EQU e o Cobresal-CHI.

    Itatiaia apurou que o São Paulo enviou no início do ano à Conmebol combinações genéricas do uniforme, já que a New Balance, empresa que fornece o material esportivo, ainda não havia lançado os modelos da temporada 2024. Por isso a confusão, já que não houve na Conmebol a atualização.

    O departamento de competições da Conmebol define a combinação para que não haja confusão de cores entre os adversários com base nos uniformes enviados pelos clubes. Podem ser mandadas três opções. O Talleres jogará com sua camisa tradicional, azul e branca, e calção e meias brancos.

    Por isso a Conmebol, com base em seu arquivo, entendeu que o Tricolor deveria ir todo preto. A tendência é que o São Paulo jogue com sua camisa número 2 tradicional, com listras em vermelho e preto, e calção e meias pretos, que existem no portfólio usado atualmente.

    Acompanhe a CNN Esportes em todas as plataformas

    Este conteúdo foi criado originalmente em Itatiaia.

    versão original