Prime Time

seg - sex

Apresentação

Ao vivo

A seguir

    CNN Esportes

    Mané vai jogar com Cristiano Ronaldo em mais uma contratação milionária do futebol saudita

    Atacante senegalês foi anunciado pelo Al-Nassr; negócio é estimado em R$ 211 milhões

    Atacante senegalês Sadio Mané
    Atacante senegalês Sadio Mané 06/05/2023REUTERS/Thilo Schmuelgen

    da Reuters

    O atacante senegalês Sadio Mané assinou nesta terça-feira com o Al-Nassr, da Arábia Saudita, deixando o Bayern de Munique após apenas uma temporada com os atuais campeões alemães.

    Segundo uma postagem do novo clube na rede social X, anteriormente conhecida como Twitter, Mané acertou um contrato de quatro anos. Ele vai atuar ao lado de Cristiano Ronaldo no time comandado por Luís Castro, ex-Botafogo.

    Não houve a divulgação imediata das cifras envolvidas na transação, mas informações na imprensa estimam que os sauditas pagaram 40 milhões de euros — R$ 211 milhões, na cotação atual — pelo jogador de 31 anos, que ainda tinha mais dois anos de contrato com o Bayern.

    Mané se transferiu para o clube alemão no ano passado, após marcar 120 gols em 269 jogos pelo Liverpool, time pelo qual foi campeão europeu, do Campeonato Inglês, da Copa da Inglaterra e do Mundial de Clubes.

    Passagem marcada por agressão

    Apesar da expectativa com a contratação de Mané na Alemanha, ele não teve o mesmo sucesso dos tempos de Liverpool. Em um dos episódios mais polêmicos de sua passagem pelo clube, ele agrediu o colega de equipe Leroy Sané e foi multado e suspenso pela diretoria.

    O jogador, que já foi escolhido duas vezes como o melhor da África, tinha média de mais de 20 gols por temporada no Liverpool, mas marcou apenas 12 defendendo o Bayern.

    “Queremos agradecer ao Sadio Mané pela última temporada”, afirmou o CEO do Bayern de Munique, Jan-Christian Dreesen.

    “Não foi um ano fácil para ele”

    “Certamente, este não foi um ano fácil para ele, que sofreu uma lesão antes da Copa do Mundo e não pôde defender Senegal, seleção que ele mesmo havia liderado na conquista da primeira Copa Africana de Nações e na classificação para o Mundial.”

    Devido ao longo tempo parado, ele não pôde contribuir para o Bayern de Munique como nós e ele esperávamos. Por isso, decidimos em comum acordo que deveria iniciar um novo capítulo de sua carreira em um outro clube

    Jan-Christian Dreesen, CEO do Bayern de Munique

    O Al-Nassr, time do português Cristiano Ronaldo, já havia contratado o volante Marcelo Brozovic, o meia Seko Fofana e o lateral-esquerdo brasileiro Alex Telles para a próxima temporada.

    (Reportagem de Rohith Nair, em Bangalore; reportagem adicional de Anita Kobylinska, em Gdansk, e Osama Khairy, no Cairo)


    Acompanhe a CNN Esportes em todas as plataformas