Prime Time

seg - sex

Apresentação

Ao vivo

A seguir

    CNN Esportes

    Confira os números de Dorival Júnior pelo São Paulo

    Treinador de 61 anos vai trocar o clube do Morumbi pela Seleção Brasileira

    Dorival trocou o São Paulo pela Seleção Brasileira
    Dorival trocou o São Paulo pela Seleção Brasileira Rubens Chiri/saopaulofc.net

    Da CNN

    Chegou ao fim a segunda passagem de Dorival Júnior comandando o São Paulo. O treinador aceitou um convite da CBF (Confederação Brasileira de Futebol) e será o novo técnico da Seleção Brasileira.

    O treinador chegou ao Morumbi em abril de 2023, com a missão de substituir Rogério Ceni — tal como acontecera em 2017, na primeira vez em que assumiu o comando do Tricolor.

    Campeão da Copa do Brasil em 2023, um título que o clube ainda não tinha, Dorival teve números bem parecidos ao longo das duas passagens — 54,3% no trabalho que se encerrou neste domingo (7) contra 51,6% da primeira experiência à frente do São Paulo.

    O desempenho do ataque, porém, teve ligeira piora. Em 2017/18, a equipe marcava 1,25 gol por partida e passou a fazer 1,18 com Dorival no ano passado. Já a defesa conseguiu melhora expressiva: de 1,125 gol por jogo para 0,85 na última temporada.

    Na primeira passagem, o técnico conseguiu fazer com que o Tricolor do Morumbi fizesse um Brasileirão sem maiores sustos na luta contra o rebaixamento. Mas o começo ruim no Paulistão de 2018, com cinco derrotas (três delas em clássicos) e dois empates nos primeiros 11 jogos, custou a ele o cargo.

    Já ao longo de 2023, além do título inédito, o São Paulo chegou às quartas de final da Copa Sul-Americana, caindo para a LDU nos pênaltis, e foi 11º no Campeonato Brasileiro. Em 2024, o clube retorna à Libertadores e, no começo da temporada, enfrenta o Palmeiras na Supercopa do Brasil — outro troféu que o Tricolor ainda não tem.

    Os números de Dorival Júnior pelo São Paulo

    Primeira passagem (2017/18)

    • 40 jogos
    • 17 vitórias
    • 11 empates
    • 12 derrotas
    • 50 gols marcados
    • 45 gols sofridos
    • 51,6% de aproveitamento

    Segunda passagem (2023)

    • 54 jogos
    • 25 vitórias
    • 13 empates
    • 16 derrotas
    • 64 gols marcados
    • 46 gols sofridos
    • 54,3% de aproveitamento
    • Campeão da Copa do Brasil

    Números totais

    • 94 jogos
    • 42 vitórias
    • 24 empates
    • 28 derrotas
    • 114 gols marcados
    • 91 gols sofridos
    • 53,19% de aproveitamento

    Acompanhe a CNN Esportes em todas as plataformas