Prime Time

seg - sex

Apresentação

Ao vivo

A seguir

    CNN Esportes

    Vídeo: piloto de Fórmula 1 se envolve em acidente com tampa de bueiro

    Acidente, que causou diversos danos ao carro de Sainz, provocou o fim do primeiro treino do GP de Las Vegas logo aos 10 minutos

    Primeiro treino livre no circuito de rua dos Estados Unidos foi encerrado de forma precoce
    Primeiro treino livre no circuito de rua dos Estados Unidos foi encerrado de forma precoce Reprodução

    da Itatiaia

    O aguardado GP de Las Vegas de Fórmula 1 começou mal nesta sexta-feira (17). Um acidente com uma tampa de bueiro, no meio da pista, encerrou de forma precoce o primeiro treino livre no circuito de rua dos Estados Unidos. A vítima foi o espanhol Carlos Sainz Jr., da Ferrari.

    O acidente, que causou diversos danos ao carro de Sainz, provocou o fim do treino logo aos 10 minutos, adiando as primeiras impressões dos pilotos sobre o novo circuito da F1. Os danos da pista também adiaram a realização da segunda sessão, a começar já no meio da madrugada no horário local, nesta sexta.

    A tampa do bueiro se soltou com força e atingiu em cheio o assoalho da Ferrari de Sainz. Incidente parecido aconteceu também com o francês Esteban Ocon, da Alpine.

    “Após uma inspeção da FIA (Federação Internacional de Automobilismo), foi descoberto que uma estrutura de concreto ao redor de uma tampa de bueiro causou um incidente durante o primeiro treino livre. A FIA está iniciando verificações em todas as outras partes do circuito. Qualquer alteração de agendamento será informada”, avisou a F1.

    Com a paralisação precoce, poucos pilotos haviam conseguido registrar volta rápida no novo traçado da F1. O mais rápido havia sido o monegasco Charles Leclerc, companheiro de Sainz na Ferrari, com o tempo de 1min40s909.

    Tanto a Ferrari quanto a Alpine revelaram que precisariam fazer ajustes em seus carros para participar do segundo treino livre. As alterações, contudo, infringiram as regras da F1, e a categoria anunciou, horas depois, que Sainz sofreria punições no grid de largada da corrida de domingo.

    De acordo com os comissários, o espanhol vai perder 10 colocações na largada porque a Ferrari trocou diversos componentes da sua unidade de potência, extrapolando os limites de mudança ao longo da temporada.

    Antes mesmo do anúncio da punição, o chefe da Ferrari, Frédéric Vasseur, demonstrou indignação com a falha na pista de Las Vegas.

    “O acidente danificou completamente a célula de sobrevivência, o motor, a bateria. Acho que é inaceitável. Nos custou uma fortuna. F*** a sessão do Carlos. Certamente não faremos parte do segundo treino livre. Isso é inaceitável para a Fórmula 1”, criticou.


    Acompanhe CNN Esportes em todas as plataformas

    Este conteúdo foi criado originalmente em Itatiaia.

    versão original