Prime Time

seg - sex

Apresentação

Ao vivo

A seguir

    De “imbecil” a “Sua Santidade”: Milei muda de tom sobre papa Francisco

    Presidente eleito da Argentina conversou com pontífice nesta terça-feira (21)

    Javier Milei e papa Francisco conversaram por telefone nesta terça-feira (21)
    Javier Milei e papa Francisco conversaram por telefone nesta terça-feira (21) Crédito: Tomas Cuesta/Getty Images-REUTERS/Yara Nardi

    Philip Pullellada Reuters

    O presidente eleito da Argentina, o libertário Javier Milei, que no passado fez uma série de ataques ao papa Francisco, incluindo ofensas como “imbecil” e “homem do diabo na terra”, falou por telefone com seu compatriota nesta terça-feira (21).

    “Estamos satisfeitos em anunciar que Sua Santidade, o papa Francisco, falou com nosso futuro presidente para parabenizá-lo e expressar seus desejos de unidade e progresso para nosso país”, afirmou o gabinete de Milei em um comunicado.

    A nota acrescentou que o papa Francisco prometeu enviar um rosário de presente e que esperava realizar uma visita “muito em breve”.

    O Vaticano havia dito mais cedo que os dois conversaram no fim da tarde, mas não divulgou o que foi discutido ou quem fez a ligação.

    Em setembro, padres de bairros pobres de Buenos Aires, cidade natal do papa e onde ele também foi arcebispo, celebraram uma missa para defender Francisco e condenar os ataques de Milei contra o pontífice.

    O jornal argentino La Nación publicou uma reportagem com fontes dizendo que o papa iniciou a conversa, que teria durado oito minutos.

    Francisco, de 86 anos, fez mais de 40 viagens fora da Itália desde que se tornou, há 10 anos, o primeiro pontífice latino-americano, mas ainda não visitou a Argentina.