Desastre nuclear de Chernobyl completa 35 anos; veja fotos históricas

Cidade de Slavutych foi construída para receber as vítimas do vazamento nuclear que dizimou Pripyat e realiza ato para lembrar das vítimas nesta segunda-feira

Um parque de diversões abandonado em Pripyat, a três quilômetros da usina nuclear de Chernobyl
Um parque de diversões abandonado em Pripyat, a três quilômetros da usina nuclear de Chernobyl Foto: Pascal Le Segretain/Sygma via Getty Images

Reuters

Ouvir notícia

Moradores da cidade ucraniana de Slavutych se reuniram na praça principal na manhã desta segunda-feira (26) para lembrar das vítimas do pior desastre nuclear da história. Slavutych está localizada a cerca de 50 quilômetros de Chernobyl, onde o reator nº 4 explodiu em 26 de abril de 1986, liberando grandes quantidades de radiação na atmosfera.

A cidade foi construída em 1986 depois que os residentes da vizinha Pripyat, perto de onde o reator danificado estava localizado, foram realocados permanentemente e a cidade foi abandonada.

 A explosão na estação nuclear enviou uma nuvem de lixo radioativo sobre grandes partes da Ucrânia, Bielo-Rússia e Rússia.

Milhares de bombeiros, engenheiros e médicos foram enviados ao local para combater o incêndio e evitar que outros reatores explodissem. Expostos a altas doses de radiação, muitos deles morreram na primeira noite.

As pessoas acenderam velas e lanternas guiadas por um padre em oração, antes de colocar velas e flores no memorial na praça.

Mais Recentes da CNN