EUA apontam aumento da atividade naval russa no norte do Mar Negro, diz oficial

Rússia tem mais de uma dúzia de navios de guerra no norte do Mar Negro, diz autoridade da Defesa dos EUA

Navios de guerra da frota russa no Mar Negro perto da Crimeia
Navios de guerra da frota russa no Mar Negro perto da Crimeia Ministério da Defesa da Rússia/Divulgação via Reuters

Michael Conteda CNN

Ouvir notícia

Os Estados Unidos observaram um aumento da atividade naval russa no Norte do Mar Negro, de acordo com uma autoridade da Defesa norte-americana.

O oficial afirmou que os Estados Unidos acreditam que alguns dos bombardeios ao redor da cidade ucraniana de Odesa vêm desses navios de guerra, mas que ainda não há indicação de um ataque por água e por terra iminente contra a cidade.

A Rússia tem mais de uma dúzia de navios de guerra no norte do Mar Negro, incluindo navios anfíbios, combatentes de superfície, um caça-minas e barcos de patrulha, segundo a autoridade.

Contexto

O Departamento de Defesa avalia que os russos estão “quase desesperados” para ganhar impulso na invasão. Por isso, estão aumentando bombardeios de mísseis e artilharia de longo alcance que tornaram a guerra ainda mais perigosa para os civis.

O oficial apontou que as forças russas “não conseguiram nada” do que os EUA avaliam ser seu objetivo de controlar os centros populacionais, tendo apenas tomado Melitopol, Berdyansk e Kherson desde o início da invasão, e não conseguido o domínio de Kharkiv ou Mariupol, sem qualquer progresso em direção a Kiev desde a semana passada.

No entanto, os bombardeios de longo alcance apenas endureceram a resistência ucraniana, aumentando a frustração das forças russas, segundo o oficial.

Também é possível que a Rússia esteja tentando ganhar impulso simplesmente para aumentar sua influência nas negociações com a Ucrânia, porque eles não parecem ter muita influência agora, disse a autoridade.

Shopping é destruído em Kiev

Este conteúdo foi criado originalmente em inglês.

versão original

Mais Recentes da CNN