Facebook remove publicação de Trump que diz que gripe é mais letal que Covid-19

Post viola regras da plataforma sobre informações falsas acerca da doença, disse porta-voz da rede social

da CNN*

Ouvir notícia

O Facebook removeu nesta terça-feira (6) uma publicação do presidente dos Estados Unidos Donald Trump em que ele afirmou, erroneamente, que a Covid-19 é menos letal que uma gripe sazonal. 

O porta-voz do Facebook Andy Stone confirmou que a empresa retirou o post por violar as regras sobre informações falsas sobre a Covid-19. 

Trump também publicou a mesma mensagem no Twitter, onde a publicação continua disponível. A plataforma, no entanto, incluiu um rótulo no post, declarando que ele viola as diretrizes da empresa sobre divulgar informações falsas relacionadas ao novo coronavírus. 

Leia também:

‘Não queria causar pânico’, diz Trump após admitir que minimizou a Covid-19

Em livro, Trump admite ter minimizado ameaça do novo coronavírus

Após debate e Covid-19 de Trump, Biden abre 16 pontos, segundo pesquisa CNN

Após ter alta do hospital, Donald Trump tira a máscara ao chegar à Casa Branca
Após ter alta do hospital, Donald Trump tira a máscara ao chegar à Casa Branca
Foto: Reprodução/CNN (05.out.2020)

Em agosto, o Facebook e o Twitter já haviam removido uma publicação do presidente americano contendo informação errônea sobre a Covid-19. O post continha um vídeo do presidente durante uma entrevista à Fox News em que afirmou que crianças são “quase imunes” à infecção, o que não é verdade. 

Na tarde desta terça, Trump tweetou, em maiúsculas: “Rejeitem a seção 230!”, sem especificar a que se referia, mas provavelmente em resposta às medidas do Twitter e Facebook. Seção 230 é a parte da lei americana que dá imunidade às companhias de tecnologia em quase todas as decisões delas acerca de moderação de conteúdo. 

(*Com informações de Donie O’Sullivan, da CNN Internacional)

 

Mais Recentes da CNN