Prime Time

seg - sex

Apresentação

Ao vivo

A seguir

    Mulher é acusada de tentar matar marido envenenando seu café nos EUA

    Melody Felicano Johnson foi indiciada por um grande júri sob a acusação de tentativa de homicídio em primeiro grau, tentativa de agressão agravada e envenenamento de comida ou bebida

    Melody Felicano Johnson, de Tucson, Arizona, é acusada de envenenar o café de seu marido, Roby Johnson
    Melody Felicano Johnson, de Tucson, Arizona, é acusada de envenenar o café de seu marido, Roby Johnson Reprodução/Escritório do xerife do Condado de Pima

    Andy Roseda CNN

    Uma mulher do Arizona, nos Estados Unidos, está sendo acusada de tentar matar seu marido após ter envenenado seu café, por todos os dias, durante meses.

    Melody Felicano Johnson, da cidade de Tucson, foi indiciada por um grande júri sob a acusação de tentativa de homicídio em primeiro grau, tentativa de agressão agravada e envenenamento de comida ou bebida.

    VÍDEO – Polícia dos EUA acusa youtuber Kai Cenat de motim após caos em Nova York

    Documentos judiciais obtidos pela afiliada da CNN KVOA afirmam que o marido do suspeito, Roby Johnson, começou a notar um gosto ruim em seu café em março, enquanto ele e Melody estavam morando na Alemanha.

    Roby Johnson é militar da Força Aérea dos EUA, de acordo com a polícia. A declaração de causa provável diz que o casal ainda morava com seu filho, mas estavam se divorciando.

    Roby usou um teste de cloro para piscina para descobrir que sua cafeteira “apresentava altos níveis do produto”, diz o documento do tribunal.

    Ele supostamente usou uma câmera escondida para descobrir que Melody estava despejando uma substância desconhecida na cafeteira.

    Roby afirmou que usou várias câmeras escondidas durante vários dias “que mostravam Melody pegando alvejante, o despejando em um recipiente, e depois indo até a cafeteira”.

    VÍDEO – Corpo de brasileiro morto nos EUA por elogiar cachorro chega ao Brasil

    Os investigadores dizem que o militar “acredita que ela estava tentando matá-lo para receber benefícios pelo óbito”.

    Melody se declarou inocente em uma acusação na última sexta-feira (4).

    Ela recebeu um defensor público, que não retornou imediatamente um pedido de comentário da CNN no sábado (5). Melody está detida na prisão do condado de Pima, também no Arizona, enquanto aguarda sua próxima audiência, marcada para 6 de setembro.

    Os registros do tribunal mostram que a fiança de Johnson foi fixada em US$ 250 mil.

    Os promotores disseram ao juiz que uma fiança alta era necessária porque a suspeita comprou recentemente uma casa nas Filipinas, perto de sua família, e isso é considerado como um risco de fuga.

    Veja também: OVNIs: veja imagens de aparição nos EUA

    Este conteúdo foi criado originalmente em inglês.

    versão original