Prime Time

seg - sex

Apresentação

Ao vivo

A seguir

    #CNNPop

    Suspeito foge algemado, mas é preso após cair na lama nos EUA

    Christopher Lee Pray é acusado de homicídio; na hora da fuga, ele tinha algemas nas pernas, uma corrente na barriga, algemas nas mãos e uma restrição conectando as três

    Cheri MossburgParadise Afsharda CNN

    Um homem suspeito de ter cometido homicídio qualificado escapou de um hospital psiquiátrico na cidade de Salem, no estado de Oregon, nos Estados Unidos, enquanto estava algemado nos braços, pernas e estômago. Porém, ele foi levado de volta sob custódia após um resgate incomum, anunciaram as autoridades na sexta-feira (1°).

    Christopher Lee Pray, de 39 anos, estava sob custódia e era paciente do Hospital Estadual de Oregon, em Salem, antes de fugir na quarta-feira (30), de acordo com a Polícia do Estado de Oregon.

    Veja também — Adolescente tenta fugir da polícia e capota com carro

    As equipes de emergência receberam uma ligação na manhã de sexta-feira sobre um possível cadáver em um lago, mas, em vez disso, encontraram um homem preso na lama até a região das axilas, a cerca de 25 metros de solo firme, segundo um comunicado da polícia.

    O Corpo de Bombeiros de Portland informou que o homem ficou preso por cerca de 12 horas nas águas lamacentas na parte norte da cidade, perto da divisa do estado de Washington.

    Eles realizaram uma operação com cordas e escadas e libertaram o homem após cerca de uma hora. O suspeito foi então levado a um hospital local para ser avaliado.

    “O paciente forneceu um nome falso, mas um funcionário atento do hospital percebeu que ele se parecia com Christopher Pray”, ressaltou o comunicado da polícia. “A equipe do hospital notificou o Departamento de Polícia de Portland, que respondeu e confirmou sua identidade”, complementaram.

    O hospital em Portland fica quase uma hora ao norte da instalação de onde Pray escapou na quarta-feira. A fuga ainda está sob investigação e a polícia planeja divulgar mais detalhes na próxima semana.

    As autoridades afirmaram que ele conseguiu escapar da custódia enquanto estava totalmente contido e fugiu das instalações em uma minivan Dodge.

    A polícia foi notificada que Pray escapou na noite de quarta-feira (30), às 22h45, no horário local, de acordo com comunicado.

    “No momento de sua fuga, ele estava totalmente contido com algemas nas pernas, uma corrente na barriga, algemas nas mãos e uma restrição conectando as três”, disse a polícia.

    “Ele estava vestindo uma camiseta branca, calça de moletom marrom e chinelos de borracha pretos”, adicionou.

    Christopher Lee Pray, que é considerado extremamente perigoso, estava sob custódia na prisão do condado de Multnomah por várias acusações graves, incluindo tentativa de homicídio qualificado, e foi transferido para o hospital na quarta-feira.

    Acredita-se que ele tenha escapado depois de roubar uma Dodge Caravan 2016 branca e fugir após uma perseguição policial, destacaram as autoridades.

    A polícia pontuou que ele “fugiu da aplicação da lei em direção ao sul na Interestadual 5. A aplicação da lei [autoridade] encerrou a perseguição devido a questões de segurança e Pray não foi detido”.

    Este conteúdo foi criado originalmente em inglês.

    versão original