Bombeiros recuam devido às novas explosões no Vulcão nas Ilhas Canárias

Vídeos compartilhados nas redes sociais também mostram uma onda de choque massiva emanando do local da erupção que chega ao sexto dia seguido

A massa densa de lava começou a deslizar para o nordeste em direção ao Mediterrâneo e ao continente espanhol, disse a agência meteorológica nacional
A massa densa de lava começou a deslizar para o nordeste em direção ao Mediterrâneo e ao continente espanhol, disse a agência meteorológica nacional 19/09/2021 REUTERS/Borja Suarez

Da Reuters

Em La Palma

Ouvir notícia

A intensificação das explosões vulcânicas na ilha espanhola de La Palma, nas Ilhas Canárias, forçou os bombeiros a recuar e as autoridades a evacuar mais três cidades nesta sexta-feira (24) enquanto as companhias aéreas cancelaram voos devido a uma nuvem de gás e cinzas, a maior desde quando o vulcão entrou em erupção, em 19 de setembro.

Os bombeiros desistiram do trabalho de limpeza na cidade de Todoque na tarde desta sexta-feira, quando uma nova ventilação se abriu em uma fresta do vulcão e vídeos compartilhados nas redes sociais mostraram uma onda de choque massiva emanando do local da erupção.

Uma testemunha informou à Reuters que viu uma enorme nuvem cinza saindo do topo do vulcão, a maior desde a erupção começou no domingo.

“O vulcão está em uma nova fase explosiva. Os bombeiros não vão mais operar hoje”, escreveu em uma rede social o serviço de bombeiros de Tenerife, que foi destacado para ajudar em La Palma.

As autoridades ordenaram a evacuação das cidades de Tajuya, Tacande de Abajo e da parte de Tacande de Arriba que ainda não tinha sido evacuada na tarde desta sexta-feira, com os residentes informados de se reunirem no campo de futebol local.

Sexto dia de erupção

Desde a erupção no domingo, o vulcão Cumbre Vieja expeliu milhares de toneladas de lava, destruiu centenas de casas e forçou a evacuação de milhares de pessoas.

Nenhum ferimento grave ou fatal foi relatado, mas cerca de 15% da safra de banana economicamente crucial da ilha pode estar em risco, colocando em perigo os milhares de empregos.

Lava por trás de casas após erupção de vulcão na ilha de La Palma, na Espanha / 20/09/2021 REUTERS/Borja Suarez

Os serviços de emergência das Ilhas Canárias disseram inicialmente aos residentes para ficarem em casa para evitar a nuvem densa de cinzas e fragmentos de lava, mas depois decidiram evacuar devido ao risco elevado de explosões.

Não foram apenas as pessoas sendo evacuadas, mas também os animais.

“A evacuação de pessoas é a principal prioridade, embora haja também outras tarefas importantes, como manter os animais de estimação seguros”, afirmou a Guarda Civil, com um vídeo que mostra policiais carregando cabras relutantes para um local seguro.

Voos cancelados

A companhia aérea das Ilhas Canárias Binter afirmou nesta sexta-feira que cancelou todos os voos para La Palma devido à erupção do vulcão, enquanto a Iberia cancelou seu único voo programado para o dia, e outra companhia aérea local, Canaryfly, também suspendeu as operações.

Binter disse que foi forçado a interromper as operações de e para La Palma porque a nuvem de cinzas piorou consideravelmente nas últimas horas.

A companhia aérea, que inicialmente cancelou apenas voos noturnos, não soube dizer quando retomaria as operações.

Uma nuvem de gás tóxico e cinzas se estende por mais de 4 km no céu, disse o instituto de vulcanologia das Canárias na quinta-feira (23).

A massa densa de lava começou a deslizar para o nordeste em direção ao Mediterrâneo e ao continente espanhol, disse a agência meteorológica nacional.

O espaço aéreo acima da ilha permanece aberto, exceto por duas pequenas áreas próximas ao local da erupção.

Mais Recentes da CNN