Covid-19 só não chegou ainda a sete dos 92 municípios do Rio de Janeiro


Stéfano Salles, da CNN, no Rio
06 de maio de 2020 às 21:13
O Cristo Redentor, no Rio de Janeiro, iluminado com uma máscara sobre o rosto

O Cristo Redentor, no Rio de Janeiro, iluminado com uma máscara sobre o rosto e a inscrição "Usar máscara salva" sobre o peito

Foto: Pilar Olivares/Reuters (3.mai.2020)

Dos 92 municípios do Rio de Janeiro, o novo coronavírus só não tem presença registrada em sete. Cinco deles estão no noroeste fluminense, próximos às divisas com Minas Gerais e Espírito Santo: Cambuci, Cardoso Moreira, Laje do Muriaé, Natividade e Varre-Sai. Os outros dois ficam na região serrana, Duas Barras e Trajano de Morais.

São cidades pequenas. A maior delas, Cambuci, tem 15 mil habitantes, de acordo com projeção do IBGE para 2019, com base em dados do Censo de 2010. Somadas, elas têm 79 mil habitantes. 

Na capital, a doença já está presente em 158 dos 162 bairros, e já houve mortes em 134 deles. Os bairros que não têm ainda casos confirmados são recentes, desmembrados de outros e, frequentemente, os moradores não conhecem seus limites. São eles: Grumari, Gericinó, Jabour, Parque Colúmbia e a Lapa.

O Rio de Janeiro voltou a registrar recorde de mortos por Covid-19 nas últimas 24 horas. Foram confirmadas 81 vítimas nesta quarta-feira (6). O estado soma 1.205 mortos desde o início da pandemia. O Rio responde nesse momento por 14,11% das mortes no país. 

Foram também mais 905 casos confirmados, totalizando 13.295 em todo o estado, de acordo com dados do Ministério da Saúde