Abrigos em SP atenderam 100 pessoas na madrugada por causa do frio

Temperatura mínima na cidade de São Paulo chegou aos 9,9 ºC

Da CNN, em São Paulo
26 de maio de 2020 às 18:48
Abrigos em SP atendem pessoas em situação de rua por causa do frio
Foto: Marcelo Camargo / Agência Brasil

Somente na madrugada desta terça-feira (26), 100 pessoas em situação de rua foram acolhidas nos abrigos emergenciais da prefeitura de São Paulo em decorrência do frio intenso. Segundo o Centro de Gerenciamento de Emergências, esta madrugada registrou 9,9º graus, temperatura mais baixa registrada em São Paulo este ano. 

A Secretaria Municipal de Assistência e Desenvolvimento Social de São Paulo informou que tem 89 serviços de acolhimento para população em situação de rua com 17,2 mil vagas. Foram abertos ainda, segundo a pasta, novos centros com possibilidade de distanciamento para atender a demanda causada pela pandemia do novo coronavírus.

O Centro de Gerenciamento de Emergências prevê que o frio continue nos próximos dias, com novos recordes de baixas temperaturas. Na quarta-feira (27) e na quinta-feira (28), os termômetros podem chegar a marcar 9ºC durante as madrugadas. As temperaturas máximas não devem passar dos 22ºC.

Com Agência Brasil