Bolsonaro quer recriar Ministério, efeito do teto do ICMS na gasolina e mais de 27 de maio

Presidente Jair Bolsonaro (PL) afirmou nesta quinta-feira (26) que pretende recriar ainda este ano o Ministério da Indústria e Comércio

Presidente Jair Bolsonaro durante evento no Palácio do Planalto
Presidente Jair Bolsonaro durante evento no Palácio do Planalto 04/05/2022REUTERS/Adriano Machado

Da CNN Brasil

Ouvir notícia

A declaração do presidente Jair Bolsonaro (PL), que disse que pretende recriar ainda este o ano o Ministério da Indústria e Comércio, e a avaliação de economistas ouvidos pela CNN de que o teto de 17% no ICMS pode reduzir em até R$ 1,15 o litro da gasolina estão entre os destaques desta sexta-feira (27).

Bolsonaro diz que pretende recriar Ministério da Indústria e Comércio ainda em 2022

O presidente Jair Bolsonaro (PL) afirmou nesta quinta-feira (26) que pretende recriar ainda este ano o Ministério da Indústria e Comércio.

“Foi uma solicitação que já estava madura e agora selou o seu final. Uma vez havendo uma outra oportunidade, ainda este ano, vai estar nas mãos do [presidente da Câmara, Arthur] Lira a recriação do Ministério da Indústria e Comércio”, disse Bolsonaro, pré-candidato à reeleição, durante a solenidade de posse da diretoria da Federação das Indústrias de Minas Gerais (Fiemg), em Belo Horizonte.

Ele foi ao púlpito citar a possibilidade de recriação quando o presidente da Fiemg, Flavio Roscoe, discursava e pedia a retomada da pasta.

Teto do ICMS: redução na gasolina pode chegar a R$ 1,15 por litro, dizem economistas

Com valor médio de R$ 7,29 no país, segundo dados da Agência Nacional de Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP), economistas ouvidos pela CNN calculam a quanto poderia chegar a redução nos preços da gasolina, caso vire lei o teto para a cobrança de ICMS nos combustíveis.

O ex-secretário estadual de Fazenda do Rio, Luiz Claudio Carvalho, e o diretor do Instituto Combustível Legal, Carlo Faccio, apontaram que a queda no Rio de Janeiro e em São Paulo, por exemplo, poderia chegar, respectivamente, a R$ 1,15 e R$ 0,48 por litro. Nestes estados, a média da gasolina é R$ 7,80 e R$ 6,90, respectivamente.

Hoje, quem mora no Rio paga 34% de ICMS sobre a gasolina; já quem vive em São Paulo, 25%. O projeto que limita a alíquota do imposto foi aprovado pela Câmara dos Deputados e será examinado pelo Senado.

Forças russas estão perto de cercar tropas ucranianas no leste

Forças russas aproximaram-se de tropas ucranianas no leste do país, ocupando brevemente, antes de recuarem, posições na última rodovia rumo a duas cidades cruciais controladas pela Ucrânia, disse uma autoridade ucraniana nesta quinta-feira (26).

Três meses após a invasão da Ucrânia, a Rússia abandonou seu ataque à capital Kiev e tenta consolidar o controle da região industrial oriental de Donbass, onde apoia separatistas desde 2014.

Milhares de soldados promovem ataques de três lados na tentativa de cercar as forças ucranianas em Sievierodonetsk e Lysychansk. Caso as duas cidades ao longo do rio Siverskiy Donets caiam, quase toda a província de Luhansk, em Donbass, estaria sob controle russo.

Aras arquiva ação de Bolsonaro contra o ministro Alexandre de Moraes, do STF

O procurador-geral da República, Augusto Aras, arquivou nesta quinta-feira (26) a notícia-crime apresentada pelo presidente Jair Bolsonaro (PL) contra o ministro Alexandre de Moraes, do Supremo Tribunal Federal (STF).

Sem entrar no mérito, Aras justificou a decisão em razão da duplicidade de ações, já que Bolsonaro também encaminhou ao STF pedido de abertura de inquérito contra Moraes. “Em face do exposto, tendo em vista o aspecto formal descrito e para evitar duplicidade de procedimentos, determino o arquivamento desta notícia-crime”, decidiu o PGR.

Mais cedo, a analista da CNN Carolina Brígido já havia antecipado a informação de que a PGR iria arquivar a notícia-crime contra Alexandre de Moraes. A pessoas próximas, o procurador-geral afirmou que não há elementos mínimos para investigar Moraes.

PRF afasta agentes que estavam em abordagem no caso da “câmara de gás” em SE

Os agentes da PRF (Políca Rodoviária Federal) que estavam na abordagem na cidade de Umbaúba, em Sergipe, na quarta-feira (25), que terminou com a morte de Genivaldo de Jesus Santos, de 38 anos, foram afastados nesta quinta-feira (26). Vídeos compartilhados em redes sociais mostram o carro da PRF sendo usado como uma “câmara de gás” com a vítima presa no porta-malas.

“A PRF instaurou processo disciplinar para elucidar os fatos e os agentes envolvidos foram afastados das atividades de policiamento. A instituição reforça seu compromisso com a transparência e isenção, valores que sempre pautaram sua atuação em 93 anos de história”, informou a corporação na nota.

Em seu perfil oficial no Twitter, o ministro de Justiça e Segurança Pública, Anderson Torres, disse que determinou a abertura de inquérito pela Polícia Federal e na PRF para apurar o caso.

Newsletter

Para receber as principais notícias todos os dias no seu e-mail, cadastre-se na nossa newsletter 5 Fatos em newsletter.cnnbrasil.com.br

* Publicado por Léo Lopes

Mais Recentes da CNN