Ex-assessor da Saúde na CPI, veto a PL contra despejos e mais de 5 de agosto

5 Fatos Tarde, apresentado por Roberta Russo, repercute principais notícias do Brasil e do mundo

Da CNN, em São Paulo

Ouvir notícia

O depoimento, à CPI da Pandemia, do ex-assessor do Ministério da Saúde na gestão de Eduardo Pazuello, a medalha de prata do skate brasileiro nas Olimpíadas e o veto de Jair Bolsonaro ao projeto de lei que suspendia despejos na pandemia estão entre os destaques do 5 Fatos Tarde desta quinta-feira, 5 de janeiro de 2021.

CPI da Pandemia

A CPI da Pandemia ouve hoje o empresário Airton Soligo, conhecido como Airton Cascavel. Airton é apontado como “número dois informal” de Eduardo Pazuello no Ministério da Saúde. O empresário participou de compromissos da pasta por dois meses antes de assumir cargo e assessorou Pazuello no ápice da crise. O Ministério Público Federal (MPF) investiga suspeita de usurpação de função pública (atuar como gestor público sem ter vínculo).

Prata para skate brasileiro

O skate voltou a colocar o Brasil no pódio das Olimpíadas de Tóquio. Na disputa masculina do park, o país faturou a medalha de prata com Pedro Barros. Com três brasileiros na final, a competição desta quinta-feira foi vencida pelo australiano Keegan Palmer.

Defesa do sistema eleitoral

Empresários, lideranças religiosas, entidades da sociedade civil e lideranças políticas divulgaram um manifesto em apoio ao sistema eleitoral brasileiro. O comunicado, batizado de “Eleições serão respeitadas”, afirma que há confiança no sistema de votação eletrônica, colocado em dúvida pelo pelo presidente Jair Bolsonaro (sem partido), que não apresentou provas de fraudes.

Veto a PL contra despejos

O presidente Jair Bolsonaro vetou integralmente o projeto de lei aprovado pela Câmara dos Deputados e pelo Senado Federal, que suspendia despejos em razão da pandemia. O veto foi publicado no Diário Oficial da União. Deputados e senadores ainda deverão analisar o veto, e poderão derrubá-lo ou mantê-lo.

País que faz menos exercícios

Brasil lidera o ranking de países que menos fazem exercícios físicos no mundo, de acordo com uma pesquisa Ipsos. Os dados de 29 países mostram que a média de tempo dos brasileiros, dedicada por semana a exercícios, é metade da média global.

Newsletter

Para receber as principais notícias todos os dias no seu e-mail, cadastre-se na nossa newsletter 5 Fatos em newsletter.cnnbrasil.com.br

Mais Recentes da CNN