Governo do DF divulga cronograma para retomada de eventos corporativos

Decreto flexibiliza o isolamento social e permite o retorno de mais atividades no Distrito Federal

Governo do Distrito Federal autorizou o retorno de eventos corporativos
Governo do Distrito Federal autorizou o retorno de eventos corporativos Foto: Marcello Casal JrAgência Brasil

Marília Ribeiro e Bia Gurgel, da CNN, em Brasília

Ouvir notícia

O Governo do Distrito Federal autorizou, em decreto publicado no Diário Oficial nesta terça-feira (22), a retomada de mais atividades na capital. O texto permite a realização de eventos corporativos (congressos, convenções, seminários, simpósios, feiras e palestras) e de competições esportivas profissionais e prática de futebol amador. Libera ainda, atividades de lazer – com uso de piscinas e saunas, reabertura de parques de diversão e brinquedotecas, utilização de Pontos de Encontro Comunitários (PECs) e uso de provadores de roupas em lojas.

Leia também:
Pesquisa brasileira investiga relação entre Covid-19 e falta de vitamina D
Pesquisa sugere relação entre dengue e possível defesa para Covid-19
Covid-19 pode causar danos cerebrais, indica estudo da Fiocruz

As atividades estão suspensas desde março em decorrência da pandemia do novo coronavírus. De acordo com a publicação, para o funcionamento das atividades, devem ser obedecidos protocolos de segurança que evitem a propagação do vírus.

Entre as medidas está a garantia do distanciamento social entre as pessoas, a venda de ingressos online para eventos e a aferição da temperatura dos frequentadores de clubes. As competições e treinamentos devem acontecer sem a presença de público. Somente terão acesso as equipes de transmissão, jornalismo e demais atividades necessárias para a execução das atividades. Para cada 50 pessoas presentes em eventos, é obrigatória a presença de um profissional capacitado para instruir, fiscalizar e fazer cumprir as regras do protocolo.

Os eventos corporativos devem seguir o seguinte cronograma: atividades para até 100 pessoas podem acontecer a partir de 6 de outubro. Eventos para até 300 pessoas, a partir de 27 de outubro. Em 17 de novembro, estão liberados os eventos para até 500 pessoas. Atividades para até 1000 pessoas, a partir de 8 de dezembro. No dia 5 de janeiro de 2021 estão liberados eventos para público superior a 1000 pessoas.

O texto passa a vigorar a partir desta terça-feira. Boates, casas noturnas e eventos que exijam licença do Executivo local continuam proibidos de funcionar. De acordo com os últimos dados divulgados, o Distrito Federal contabiliza 184.555 casos e 3.097 mortes pela Covid-19. 

Mais Recentes da CNN