Prime Time

seg - sex

Apresentação

Ao vivo

A seguir

    Homem que atirou em ex e na filha dela, em São Paulo, é preso no Rio

    Suspeito estava em Copacabana, na Zona Sul, com a arma que usou no crime

    Arma do crime apreendida pela polícia
    Arma do crime apreendida pela polícia Divulgação

    Rafaela Cascardoda CNN

    Rio de Janeiro

    O homem que atirou contra a ex-namorada e a filha dela, de apenas 4 anos de idade, em São Paulo, no último dia 4, foi encontrado e preso, nesta segunda-feira (22), em Copacabana, na Zona Sul do Rio. As duas sobreviveram.

    Policiais militares do setor reservado do 19º Batalhão (Copacabana) localizaram Brendon Cunha dos Santos, de 26 anos, na porta do prédio onde ele estava se escondendo, na Rua Santa Clara, uma das mais movimentadas do bairro.

    Com ele, a Polícia apreendeu uma pistola calibre 7,65 mm, a arma que foi utilizada para tentar matar Maria Clara de Oliveira Pereira, de 20 anos, e a filha dela.

    No vídeo que mostra a prisão do homem, um policial aparece perguntando se a arma foi a utilizada na tentativa de feminicídio. Brendon confirma que sim.

    Segundo as investigações, a mulher estava na casa da irmã, no bairro Jardim Marcelino, em Caieiras, na Grande São Paulo, quando o homem chegou atirando.

    Ele viajou até o Rio de Janeiro para se esconder. O crime teria sido motivado porque Brendon não aceitava o fim do relacionamento, que durou cerca de dois meses.