Isolamento social em São Paulo cai para 52%

A informação é baseada em dados de telefonia móvel dos cidadãos

Movimento no viaduto do Chá, em São Paulo, durante quarentena contra pandemia do coronavírus
Movimento no viaduto do Chá, em São Paulo, durante quarentena contra pandemia do coronavírus Foto: Rovena Rosa/Agência Brasil

Da CNN, em São Paulo*

Ouvir notícia

Dados do Sistema de Monitoramento Inteligente (Simi-SP) do governo paulista divulgados nestae domingo (26) mostram que o percentual de isolamento social no estado de São Paulo foi de 52% em 25 de abril. Nos sábados anteriores, 18 de abril, 11 de abril, 4 de abril e 28 de março, os índices registrados foram, respectivamente, de 54%, 55%, 57% e 56%.  

A informação é baseada em dados de telefonia móvel dos cidadãos, analisados pela Simi. O sistema abrange informações dos celulares de cidadãos de 104 cidades com mais de 70 mil habitantes.

Segundo o governo estadual, a partir do monitoramento é possível apontar em quais regiões a adesão à quarentena é maior e em quais, as campanhas de conscientização precisam ser intensificadas, inclusive com o apoio das prefeituras.

O sistema conta com informações agregadas das operadoras de telefonia Vivo, Claro, Oi e TIM sobre o deslocamento das pessoas no estado. Segundo o governo, as informações são “aglutinadas e anonimizadas sem desrespeitar a privacidade de cada usuário”. 

Os dados, atualizados diariamente, podem ser consultados por município e estão também disponíveis em gráficos no site do estado sobre a doença. 

* Com Agência Brasil

Mais Recentes da CNN