Prefeitura de SP vai cortar frota de ônibus pela metade por tempo indeterminado

Coletivos municipais circulam com apenas 30% dos passageiros de dias comuns

Ônibus em terminal de São Paulo
Ônibus em terminal de São Paulo Foto: Rovena Rosa - 19.mai.2016/ ABR

Pedro Duran

Da CNN, em São Paulo

Ouvir notícia

Secretários municipais de São Paulo reunidos por videoconferência decidiram tomar uma medida já prevista desde a semana passada: reduzir a circulação de ônibus na capital paulista.

Com apenas 30% dos passageiros de dias comuns, a frota será cortada em 50% nas linhas estruturais, que fazem a ligação de grandes avenidas com os bairros, e em 40% nas locais, que percorrem os bairros. A medida será anunciada em breve.

A prefeitura ainda negocia com empresas de ônibus a manutenção do subsídio anual de mais de R$ 2,2 bilhões. Esse é o dinheiro pago pela prefeitura para as empresas para complementar os lucros que não são atingidos só com o valor da passagem.

A decisão segue a linha do Metrô, que já havia decidido reduzir em 35% a circulação de trens.

Mais Recentes da CNN