Renan Quinalha: junho, mês dos direitos LBGTQIA+, não é “só momento de festa”

Especialista CNN explicou como o movimento LGBTQIA+ ganhou força após a Revolta de Stonewall

Lucas Schroederda CNN

Em São Paulo

Ouvir notícia

Renan Quinalha, Especialista CNN em diversidade e direitos humanos, falou neste sábado (4) sobre a importância do mês de junho para a comunidade LGBTQIA+.

“O movimento LGBTQIA+ já existia nos Estados Unidos e em outras partes do mundo, mas com a Revolta de Stonewall – em junho de 1969 – muita coisa muda. A vergonha de se identificar como membro da comunidade dá lugar ao orgulho”, contou Renan.

 

Segundo o especialista, a partir do episódio que ocorreu nos EUA, diversos grupos ativistas da causa LGBTQIA+ surgiram, reivindicando um tratamento mais justo e igualitário aos membros da comunidade.

“Junho é um momento não só de celebração e festa, mas de lembrar também dessa luta histórica que foi travada e que precisa ter continuidade no presente para que possamos ter uma realidade de plena cidadania para a população LBGQTIA+”, concluiu Renan.

Mais Recentes da CNN