Prime Time

seg - sex

Apresentação

Ao vivo

A seguir

    TAC do MP-SP com Enel prevê indenizações a 2 milhões de pessoas

    Empresa tem 15 dias para responder; se ela não fechar o TAC, promotoria informou que ingressará com uma ação judicial

    Termos foram passados por promotores a representantes da concessionária em reunião na tarde desta terça-feira (7)
    Termos foram passados por promotores a representantes da concessionária em reunião na tarde desta terça-feira (7) Divulgação

    Caio Junqueira

    O Ministério Público de São Paulo pediu à concessionária Enel que feche um Termo de Ajustamento de Conduta que preveja pagamento de indenizações a 2 milhões de pessoas que foram prejudicadas pela falta de energia após o apagão de sexta-feira (3). O eventual acordo também prevê a ampliação de investimentos na cidade.

    Os termos foram passados por promotores a representantes da concessionária em reunião na tarde desta terça-feira (7).

    A empresa tem 15 dias para responder. Se ela não fechar o TAC, o MP-SP informou que ingressará com uma ação judicial.

    Procurada pela CNN, a Enel não se manifestou.