Prime Time

seg - sex

Apresentação

Ao vivo

A seguir

    Lula diz que Petrobras não pode pensar só nos acionistas e fala em “choradeira do mercado”

    Presidente da República afirmou que o mercado é "um rinoceronte", "um dinossauro voraz", querendo tudo para ele e nada para o povo

    Fala de Lula acontece após uma reunião com a direção da Petrobras
    Fala de Lula acontece após uma reunião com a direção da Petrobras Ricardo Stuckert/PR

    Da CNN

    São Paulo

    O presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) disse, nesta segunda-feira (11), que a Petrobras não pode pensar apenas nos acionistas. Em sua opinião, se for atender “apenas a choradeira do mercado”, não é possível fazer nada.

    A fala aconteceu durante entrevista ao telejornal “SBT Brasil’.

    “Então essa discussão tem que ser feita. Se eu for atender apenas a choradeira do mercado, você não faz nada”, afirmou Lula.

    Em sua opinião, o mercado é “um rinoceronte”, “um dinossauro voraz”, querendo tudo para ele e nada para o povo.

    Será que o mercado não tem pena das pessoas que passam fome? Será que o mercado não tem pena das 735 milhões de pessoas que não tem o que comer? Será que o mercado não tem pena na sarjeta e no centro de São Paulo, no Rio de Janeiro? Será que o mercado não tem pena das meninas com 12, 13 anos que as vendem o corpo por um prato de comida?

    Luiz Inácio Lula da Silva

    Lula afirmou que houve uma conversa séria do governo com a direção da Petrobras. O presidente da companhia, Jean Paul Prates, foi chamado após a decisão na última quinta-feira (7) de não distribuir dividendos extraordinários aos acionistas, o que levou a uma perda de R$ 55 bilhões no valor de mercado da petrolífera.

    Na opinião do chefe do Executivo, a Petrobras bate recordes de produção, de exportação e de arrecadação “e a gente não ganha nada com isso”.

    “Sabe então quando a pessoa vive de especulação na bolsa, você pode crescer 30% num dia e cair 20% no outro. E fica tudo por isso mesmo. Então o que eu acho é que a Petrobras, que o governo tem ascendência sobre ela”, explicou.

    Segundo Lula, é importante ter em conta que a Petrobras não é apenas uma empresa de pensar nos acionistas que investem nela.

    Porque a Petrobras tem que pensar no investimento, em pensar em 200 milhões de brasileiros que são donos dessa empresa ou são sócios dessa empresa. O que não é correto é a Petrobras, que tinha que distribuir R$ 45 bilhões de dividendos, queria distribuir R$ 80 bilhões. E R$ 40 bilhões a mais que poderia ter sido colocado para investimento para fazer mais pesquisa para fazer, para fazer mais navio, para fazer mais sonda e não foi feito

    Luiz Inácio Lula da Silva

    *Publicado por Douglas Porto