Prime Time

seg - sex

Apresentação

Ao vivo

A seguir

    Lula e Márcio França se encontram para avaliar cenário em SP

    Para aliados de Haddad, a conversa com Lula faz parte do trabalho de convencimento de França a abrir mão da pré-candidatura; a expectativa é de que essa decisão seja anunciada na próxima semana

    Márcio França durante ato de filiação de Geraldo Alckmin ao PSB - 23/03/2022
    Márcio França durante ato de filiação de Geraldo Alckmin ao PSB - 23/03/2022 Cleber Bonatti/PSB

    Iuri Pittada CNN

    São Paulo

    Ouvir notícia

    O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) e o ex-governador Márcio França (PSB) se encontraram na tarde desta sexta-feira (24) para avaliar o cenário eleitoral em São Paulo. A conversa ocorreu no mesmo período em que o pré-candidato do PT ao Palácio dos Bandeirantes, Fernando Haddad, cumpria agenda no interior do estado com o ex-governador Geraldo Alckmin (PSB).

    Para aliados de Haddad, a conversa com Lula faz parte do trabalho de convencimento de França a abrir mão da pré-candidatura a governador. A expectativa é de que essa decisão seja anunciada já na próxima semana.

    Por sua vez, aliados de França mantêm a avaliação de que seria melhor ter duas candidaturas no estado e, com isso, aumentar as chances de conter o avanço do governador Rodrigo Garcia (PSDB) e do ex-ministro Tarcísio Freitas (Republicanos) – o último tem buscado aproximação com o PSD de Gilberto Kassab e quer ter o ex-prefeito de São José dos Campos, Felício Ramuth, como candidato a vice.

    Em Andradina (SP), Haddad e Alckmin cumpriram a primeira agenda juntos no interior, o que é visto como gesto de consolidação da pré-candidatura do petista. Eles visitaram uma cooperativa de laticínios e exaltaram a importância da agricultura familiar. Alckmin brincou e disse que “nenhum produtor de chuchu será esquecido”.

    Os pré-candidatos ao governo de São Paulo

    Mais Recentes da CNN