Prime Time

seg - sex

Apresentação

Ao vivo

A seguir

    Eleições 2022

    Lula participa de ato com artistas em Belém, e Bolsonaro visita o Ceagesp em SP

    Ciro Gomes se encontrou com organizações da sociedade civil na capital paulista; em Porto Alegre, Simone Tebet visitou comunidade

    Léo Lopes

    Os candidatos à Presidência da República cumpriram nesta quinta-feira (31) agendas de campanha nas regiões Norte, Sul e Sudeste. Líder das pesquisas de intenção de voto, o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) participou de um ato com artistas e representantes do setor da cultura no Teatro da Paz, em Belém, no Pará.

    Em seu discurso, o petista propôs medidas de incentivo para a área, além da recriação do Ministério da Cultura e de comitês estaduais.

    “A cultura de um povo é uma das coisas mais importantes e é o que dá para nós civilidade, nacionalidade e respeito. É preciso parar de encarar a cultura como gasto. Não é gasto, é investimento em cultura. Essa é a mudança chave que nós temos que ter, entender a cultura como instrumento da economia brasileira. Ela pode gerar muitos empregos, prazer, alegria e conhecimento”, afirmou.

    Ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) em agenda de campanha nesta quinta-feira (1º), em Belém, no Pará. / PT / Reprodução

    O presidente Jair Bolsonaro (PL) cumpriu agenda em São Paulo, onde foi sabatinado em entrevista gravada para a emissora RedeTV. A gravação irá ao ar às 20h desta quinta-feira (1º).

    Após a gravação, o candidato visitou a Companhia de Entrepostos e Armazéns Gerais de São Paulo (Ceagesp), na Vila Leopoldina, onde caminhou, conversou com apoiadores e falou com a imprensa.

    “[A Ceagesp] é o terceiro maior entreposto do mundo, 50 mil pessoas frequentam essa área por dia”, disse.

    Presidente Jair Bolsonaro (PL) responde pergunta durante agenda de campanha na Ceagesp, em São Paulo, nesta quinta-feira (1º). / CNN

    Também em São Paulo, o candidato Ciro Gomes (PDT) esteve no Instituto Alana, no bairro de Pinheiros, para encontro com o Movimento Agenda 227, formado por organizações da sociedade civil. O encontro foi pautado por discussões sobre direitos das crianças e adolescentes.

    O pedetista criticou os entraves para aumentar os investimentos em educação. “Para isso eu preciso superar o orçamento. Hoje, eu estaria teoricamente obrigado a gastar o que Jair Bolsonaro está gastando, o pior investimento dos últimos 10 anos, mais inflação de 7% artificialmente produzida a marretadas na política de preços da Petrobras. Evidentemente, isso vai ser revogado no primeiro dia de governo”, alegou.

    Às 20h, ele concede entrevista ao apresentador William Waack, da CNN, na série de encontros com os presidenciáveis.

    Candidato à Presidência, Ciro Gomes (PDT) participa de agenda de campanha em São Paulo nesta quinta-feira (1º). / CNN

    Por fim, a candidata Simone Tebet (MDB) cumpriu agenda em Porto Alegre acompanhada do prefeito da capital gaúcha, Sebastião Melo (MDB). Eles visitaram a comunidade Chácara da Fumaça, no bairro Mário Quintana.

    “Não é justo com o Brasil e com o povo brasileiro que a arrecadação fique toda em Brasília. Ela precisa ser descentralizada para que o prefeito atenda a comunidade naquilo que ela quer”, afirmou a repórteres durante a agenda.

    Candidata à Presidência, Simone Tebet (MDB) cumpre agenda de campanha nesta quinta-feira (1º). / Reprodução

    * João Rosa, Bruna Festa, Vinicius Bernardes, Emanuelle Leones e Carolina Ferraz, da CNN, contribuíram para esta reportagem