Prime Time

seg - sex

Apresentação

Ao vivo

A seguir

    Não subestimaria Michelle Bolsonaro como candidata à Presidência, diz Dirceu à CNN

    Ex-ministro avaliou possíveis nomes da oposição para a eleição de 2026

    Da CNN

    O ex-ministro da Casa Civil José Dirceu afirma, em entrevista à CNN, que não subestimaria a ex-prmeira-dama Michelle Bolsonaro (PL) como candidata à Presidência da República em 2026.

    “Eu não subestimaria a Michelle como candidata, porque o Bolsonaro tem uma natureza duma força, o Bolsonaro elegeu senadores, o Tarcísio foi eleito em São Paulo”, diz Dirceu, em referência ao apoio do ex-presidente Jair Bolsonaro (PL) ao governador de São Paulo, Tarcísio de Freitas (Republicanos), em 2022.

    Na opinião do ex-ministro, Bolsonaro “pode ser que ele seja candidato inelegível”, e depois que o Tribunal Superior Eleitoral (TSE) o impeça de disputar, ele colocaria alguém no lugar.

    “Mas precisa ver quais partidos vão com Bolsonaro. Será que o PL, o PP, o PSD, o União Brasil vão junto? É muito improvável que isso aconteça. Então também não é tão simples”, analisa.

    Dirceu ainda coloca os governadores Ratinho Jr. (PSD), do Paraná, Ronaldo Caiado (União Brasil), de Goiás, no páreo. Entretanto, não sabe se Romeu Zema (Novo), de Minas Gerais, “consegue viabilizar uma candidatura” e se Tarcísio saíra como candidato.

    A partir dos movimentos da oposição, o ex-ministro cita ser necessário que a esquerda se mantenha unida

    “Nós precisamos manter o Brasil, um projeto para o Brasil, uma coisa ampla, que envolve setores empresariais, que a gente consiga, principalmente, envolva a juventude brasileira, as classes médias, os empreendedores brasileiros”, finaliza.

    *Publicado por Douglas Porto