Prime Time

seg - sex

Apresentação

Ao vivo

A seguir

    Senado reúne 31 assinaturas e já tem quantidade para abrir CPI dos Atos Antidemocráticos

    Presidente em exercício do Senado e líderes têm reunião nesta segunda-feira

    Basília Rodrigues

    O Senado Federal já colheu 31 assinaturas de senadores e tem quantidade suficiente para a abrir a CPI dos Atos Antidemocráticos, proposta por lideranças de governo para investigar a responsabilidade pelos atos de destruição que ocorreram neste domingo (8), em Brasília.

    O presidente do Senado, Rodrigo Pacheco, que estava em viagem de férias, retorna antecipadamente a Brasília com objetivo de instalar a comissão já nesta terça-feira (10), em sessão extraordinária. Segundo interlocutores, Pacheco faz questão de ser dele a leitura do requerimento de abertura da CPI.

    O presidente em exercício do Senado, Veneziano Vital do Rego (MDB-PB), reuniu os líderes da Casa nesta segunda, na residência oficial do Senado.

    Durante a invasão dos prédios em Brasília, Veneziano afirmou à CNN ver responsabilidade do governo do Distrito Federal no descontrole da situação. A declaração ocorreu antes mesmo do afastamento do governador Ibaneis Rocha do cargo. Ambos são do mesmo partido, o MDB.

    “Os episódios verificados hoje, com as invasões dos locais que sediam os Poderes da República, refletem da forma mais definida o espírito terrorista com o qual agem os derrotados democraticamente no voto. Além de explicitar a participação deliberada do Governo do DF de não conter essa depredação generalizada e inadmissível”, disse.

    Um dos autores do pedido de CPI, o senador Renan Calheiros (MDB-AL), afirmou em sua rede social que o atentado deste domingo foi um “crime anunciado”.

    “A situação não admite tolerância ou ingenuidade. Eu e o senador Randolfe Rodrigues [Rede-AP] estamos propondo uma CPI para apurar as responsabilidades sobre o mais grave ataque contra a democracia brasileira. Assim como foi no Capitólio. Eles não passarão”, disse.

    Segue a relação dos Senadores que subscreveram o Requerimento da CPI dos Atos Antidemocráticos:

    1. Soraya Thronicke
    2. Giordano
    3. Telmário Mota
    4. Eliziane Gama
    5. Davi Alcolumbre
    6. Paulo Paim
    7. Alessandro Vieira
    8. Humberto Costa
    9. José Serra
    10. Marcos do Val
    11. Leila Barros
    12. Fabiano Contarato
    13. Fernando Bezerra Coelho
    14. Tasso Jereissati
    15. Randolfe Rodrigues
    16. Jean Paul Prates
    17. Flávio Arns
    18. Oriovisto Guimarães
    19. Margareth Buzetti
    20. Kátia Abreu
    21 Weverton
    22. Jorge Kajuru
    23. Mara Gabrilli
    24. Jaques Wagner
    25. Angelo Coronel
    26. Nilda Gondim
    27. Styvenson Valentim
    28. Rogério Carvalho
    29. Irajá
    30. Otto Alencar
    31. Eduardo Braga

    Galeria: Veja fotos de itens destruídos durante o ataque às sedes dos Três Poderes