Facebook remove eventos nos EUA chamando para atos anti-isolamento

Empresa de redes sociais disse que se alinhará às medidas oficiais e que removerá eventos que desafiem as orientações de distanciamento

Protesto em Encinitas, na Califórnia (EUA), contra medidas de isolamento no combate ao coronavírus em 19 de abril
Protesto em Encinitas, na Califórnia (EUA), contra medidas de isolamento no combate ao coronavírus em 19 de abril Foto: Mike Blake/Reuters

Ouvir notícia

O Facebook anunciou nesta segunda-feira (20) que removeu de sua plataforma eventos nos estados norte-americanos de Nebraska, Nova Jersey e Califórnia que promovem protestos contra medidas de distanciamento social, em meio à pandemia de coronavírus. 

A empresa de redes sociais afirmou que apenas removerá eventos de protestos anti-quarentena se eles desafiarem recomendações governamentais.

O Facebook disse que se alinhará às medidas oficiais e que removerá eventos que desafiem as orientações de distanciamento.

“A não ser que o governo proíba o evento nesse momento, vamos permitir que ele seja organizado no Facebook”, disse o porta-voz da empresa Andy Stone. “Pela mesma razão, eventos que desafiem as orientações de distanciamento social não são permitidos no Facebook.”

Mais Recentes da CNN