Prime Time

seg - sex

Apresentação

Ao vivo

A seguir

    BYD revela Shark 2025, picape média mais potente que Ranger Raptor

    Novo modelo híbrido plug-in da marca chinesa acelera de 0 a 100 em 5,7 segundos e terá 100 km de autonomia elétrica

    Thiago Venturacolaboração para a CNN

    A BYD revelou mundialmente nesta terça-feira (14) a sua inédita picape híbrida plug-in Shark 2025. A novidade, promovida pela marca chinesa como robusta, tecnológica e eficiente, promete desafiar as líderes da categoria, como a Toyota Hilux e a Ford Ranger.

    A BYD Shark 2025 chega ao Brasil em setembro de 2024, importada da China. A picape é da linha Ocean, a mesma do Dolphin e do Dolphin Mini, e foi inspirada na agilidade e na força dos tubarões.

    O design foi idealizado por Wolfgang Egger, diretor global de design da BYD, que também já liderou o desenho de projetos de Audi e Alfa Romeo.

    O visual da Shark é no estilo quadradão e desperta imponência desde a dianteira até as luzes traseiras dinâmicas, mas também possui características muito similares à Ford F150.

    Com 3,26 metros de distância entre eixos e 5,46 metros de comprimento, o novo modelo da BYD se posiciona entre as picapes médias, mas supera em tamanho a Ranger e a Hilux – e a fabricante chinesa promete oferecer o desempenho de picapes maiores.

    Sob o capô da Shark, o conjunto híbrido é composto por um motor 1.5T e um motor elétrico, que juntos entregam 430 cv de potência e impulsionam a picape de 0 a 100 km/h em apenas 5,7 segundos.

    Essa força é alimentada pela Plataforma DMO Super Hybrid, que garante autonomia combinada de até 840 km (NEDC) e 100 km em modo elétrico (NEDC).

    Com esses números, a nova BYD Shark 2025 chega para ser a picape média mais potente e rápida do Brasil. O modelo supera todas as concorrentes tradicionais, e mesmo a Ford Ranger Raptor, versão esportiva da média americana, que tem 397 cv e faz 0 a 100 em 5,8 segundos.

    BYD Shark 2025: picape híbrida chega com 430 cv
    BYD Shark 2025: picape híbrida chega com 430 cv / Divulgação

    A picape tem capacidade de levar 1.450 litros, mas a capacidade carga da caçamba é 835 kg, inferior às picapes médias diesel, em geral, com 1.000 kg. Por outro lado, pode rebocar até 2.500 kg. A BYD Shark tem um ângulo de ataque (approach angle) de 30° e ângulo de saída de 19.2°.

    Interior minimalista e tecnológico

    O interior da Shark segue o minimalismo tradicional da BYD, combinando funcionalidade e tecnologia. A tela multimídia giratória de 12,8 polegadas e o painel de instrumentos LCD de 10,25 polegadas prometem uma experiência conectada e intuitiva. O conjunto inclui ainda um head up display colorido.

    O sistema de comando por voz “Hi BYD” permite controlar diversas funções do veículo sem tirar os olhos da estrada, e a interconexão com smartphones reforça a oferta de conectividade. O produto conta ainda com conjunto de câmeras que oferecem visão 540° para auxiliar na condução off-road.

    Em relação à segurança, o modelo tem tecnologias avançadas como a Cell to Chassis (CTC), que integra a bateria na estrutura do chassi para maior rigidez estrutural. O corpo da picape é construído com 54% de aço de alta resistência para oferecer maior proteção em caso de colisão.

    São seis airbags e sistemas como controle de cruzeiro adaptativo, alerta de colisão frontal e traseira, assistência de mudança de faixa e frenagem automática de emergência, entre outros. A picape conta também com chave digital NFC para acesso ao veículo sem chave física, apenas com o smartphone.

    BYD Shark 2025: picape híbrida chega com 430 cv
    BYD Shark 2025: picape híbrida chega com 430 cv / Divulgação

    Preço e chegada ao Brasil

    A BYD ainda não divulgou o preço oficial da Shark para o mercado brasileiro, mas espera-se que seja comparável a modelos premium do segmento de picapes médias. O modelo chegará ao Brasil em setembro 2024, importado da China.

    A nova picape da BYD já está à venda no México em duas versões, GL e GS. O preço parte de 899.980 pesos, cerca de R$ 274.355, em conversão direta. A opção top de linha, GS, custa 969.800 pesos, em torno de R$ 295.672.