Prime Time

seg - sex

Apresentação

Ao vivo

A seguir

    Preços das 10 picapes mais baratas do Brasil tiveram alta de até 9% em 2023; veja o ranking

    Levantamento feito a pedido da CNN mostra a diferença de preço dos modelos comercializados no país em um ano

    Picape da Renault foi o modelo entre as 10 mais baratas do mercado que apresentou maior alta no preço neste ano
    Picape da Renault foi o modelo entre as 10 mais baratas do mercado que apresentou maior alta no preço neste ano Divlgação

    Diego Mendesda CNN São Paulo

    As picapes caíram no gosto dos brasileiros e estão cada vez mais sendo adotadas por clientes urbanos. Alguns modelos, como Chevrolet Montana, Fiat Toro e Ford Maverick, são construídos com plataformas de SUVs, o que as deixam mais confortáveis às práticas no uso diário.

    Além disso, essas mudanças estão deixando os veículos visualmente com uma aparência menos “grosseira”, diferente das antigas picapes voltadas ao uso no campo.

    Entretanto, as novas tecnologias de conforto e segurança, somadas com motores mais eficientes e com melhor consumo, estão encarecendo os veículos — sem falar na lei da oferta e da procura.

    Um levantamento da Blue Book (KBB), encomendado pela CNN, aponta que, em um ano, algumas das 10 picapes mais baratas vendidas no país tiveram alta nos preços de até 9,6% em 2023.

    O modelo mais barato no Brasil custa hoje R$ 92.913, valor 6% mais caro do que valia há um ano.

    Segundo André Rabelo, diretor de operações e produtos da Cox Automotive Brasil, este segmento representava, em 2019, 13% do total de vendas, porém, até 2025, poderá chegar a 18% de participação.

    Rabelo elenca os motivos para esta alta:

    • As picapes estão mais parecidas tecnologicamente com os carros de passeio;
    • Foi o segmento que menos sentiu a ofensiva dos SUVs nos últimos anos;
    • As picapes trazem expectativas diferentes aos consumidores;
    • Criação de nichos dentro da categoria (modelos de porte intermediário e com proposta mais urbana, por exemplo);
    • Implantação de novos motores mais eficientes;

    Confira o ranking das 10 picapes mais baratas do Brasil:

    Tendências

    De acordo com Rabelo, a tendência é de que nos próximos anos os valores das picapes subam ainda mais. “Existe pelo menos uma dezena de lançamentos confirmados no Brasil para os próximos meses. E esses carros serão construídos com as tecnologias mais recentes de conectividade, conforto, segurança, etc.”, afirma.

    Referente à demanda, o especialista explica que o nível está muito elevado. Segundo ele, existe ainda o cliente que quer modelos diferentes dos SUVs, mas ainda com visual atraente e bem servido de tecnologias.

    “Esse é outro ponto de mudança, uma vez que o design das novas picapes tem atraído novos e seletivos olhares.”

    Ele pontua que o perfil do motorista que procura uma picape sempre foi mais aventureiro e de proposta off-road, além dos usuários do campo e de atividades que necessitam de veículos versáteis para o trabalho pesado.

    Frotas governamentais são um dos maiores compradores do segmento, para a polícia, ambulâncias, entre outros, aponta Rabelo. No entanto, novos olhares e consumidores são atraídos pelo conjunto: valorização, design, funcionalidades, estética, itens de luxo e os novos lançamentos.

    “Grandes marcas estão investindo pesado em atrair novos públicos para o segmento de picapes”, diz Rabelo.