Prime Time

seg - sex

Apresentação

Ao vivo

A seguir

    Tainá Falcão

    Tainá Falcão

    Jornalista, poetisa, mulher nordestina, radicada em Brasília com passagem por SP. Curiosa. Bicho de TV. Informa sobre os bastidores do poder

    Ministros do STF suspeitam que vazamento de áudios de Mauro Cid seja “armação”

    Áudios colocam em risco a colaboração premiada do ex-ajudante de ordens de Jair Bolsonaro (PL)

    Ministros do STF suspeitam que vazamento de áudios de Mauro Cid seja “armação”
    Ministros do STF suspeitam que vazamento de áudios de Mauro Cid seja “armação”

    No Supremo Tribunal Federal (STF), ministros ainda observam com ressalvas o vazamento de áudios de Mauro Cid com críticas à Polícia Federal (PF) e ao ministro Alexandre de Moraes, do STF.

    Sob reserva, ministros consultados pela CNN falam em suspeita de “armação”, visto que os áudios colocam em risco a colaboração premiada do ex-ajudante de ordens de Jair Bolsonaro (PL).

    Fontes da PF também se dizem surpresas. A avaliação é de que, mesmo que o acordo de colaboração premiada seja desfeito, as informações obtidas até aqui seguem valendo para o inquérito. Ou seja, não há um cenário de vantagem para o militar.

    Advogados de Mauro Cid afirmam que os áudios são um “desabafo” do cliente e que “em nenhum momento coloca em xeque a independência, funcionalidade e honestidade da PF, da PGR ou do Supremo Tribunal Federal”

    Já a defesa de Jair Bolsonaro se diz perplexa com o conteúdo vazado e afirma que estuda medidas cabíveis para blindar o ex-presidente.