Para estimular venda de imóveis, construtoras vão lançar o voucher moradia

Medida foi idealizada pela Câmara Brasileira da Indústria da Construção Civil (CBIC) em conjunto com a Caixa Econômica Federal

Raquel Landim
Por Raquel Landim, CNN  
09 de abril de 2020 às 11:32
Imóveis em Águas Claras, no Distrito Federal
Foto: Pedro Ventura/Agência Brasília

As construtoras vão lançar nos próximos dias o “voucher moradia” para tentar estimular a venda de imóveis. A medida foi idealizada pela Câmara Brasileira da Indústria da Construção Civil (CBIC) em conjunto com a Caixa Econômica Federal.

As empresas vão oferecer descontos, IPTU e condomínio grátis, etc, para tentar estimular as pessoas a adquirir um imóvel mesmo no meio da epidemia do coronavírus.

O valor do desconto vai variar conforme o valor imóvel e a incorporadora, mas será de no mínimo R$ 3 mil, apurou o CNN Business.

A medida se soma a anunciada agora pela Caixa que vai dar  seis meses de carência para quem comprar um imóvel novo. A primeira prestação será paga só no sétimo mês.

O objetivo do governo federal com o estímulo o setor é evitar o desemprego. A construção emprega cerca de 2,1 milhão de trabalhadores.