Na contramão da bolsa, ações de laboratórios, como Pfizer e Vaxart, sobem

O índice S&P500, o principal da Bolsa de Nova York, caiu 12% em um ano. O resultado só não foi pior porque o setor médico tem freado a desvalorização

Do CNN Brasil Business, em São Paulo
29 de abril de 2020 às 15:00
 

O índice S&P500, que reúne as maiores empresas listadas na Bolsa de Nova York, caiu 12% em um ano. O resultado só não foi pior porque o setor médico tem freado a queda. Empresas que produzem os testes para identificação do vírus no paciente tiveram valorização recorde nos últimos meses, e com destaque para o laboratório que é elogiado pelo próprio presidente Donald Trump.

Entre as ações que estão se destacando estão a dos laboratórios Pfizer e Vaxart. Outros também conseguem altas relevantes. Quer entender mais? Acompanhe a análise do editor internacional da CNN, Marcelo Favalli, para o Direto de Wall Street.