Justiça manda IRB Brasil mostrar que tem R$1 bi para ressarcir acionistas


Da Reuters
16 de junho de 2020 às 08:23
irb

IPO da IRB Brasil na B3

Foto: Reprodução/Instagram

Uma decisão da Justiça em São Paulo mandou o IRB Brasil apresentar que tem R$ 1 bilhão para o caso de ressarcir acionistas devido às fortes perdas das ações da resseguradora neste ano.

A decisão da 2ª Vara Empresarial e de Conflitos Relacionados à Arbitragem do Tribunal de Justiça de São Paulo atendeu parcialmente a uma ação civil pública para ressarcir acionistas que buscarem reparação de perdas por meio de arbitragem.

Os autores do pedido avaliam que as perdas totais com a queda das ações do IRB sejam da ordem de quatro bilhões de reais, após eventos que começaram com questionamentos da gestora de recursos Squadra sobre práticas contábeis da empresa.

Mas a juíza Renata Mota Maciel negou o pedido para imediato afastamento de toda a diretoria do IRB Brasil. "Diante dos graves prejuízos alegados pela parte autora, de fato, mostra-se conveniente que os investidos tenham tutelados seus direitos a partir da garantia de efetivo ressarcimento de seus prejuízos, em caso de procedência do pedido principal", afirmou a juíza, que negou o pedido de bloqueio dos recursos.

Mas a juíza mandou a empresa mostrar que em um bilhão de reais, mediante apresentação das apólices de seguro e condições de cobertura ou via comprovação de contingenciamento contábil para cobrir indenizações a acionistas.

A ação do IRB caiu 9,9% nesta segunda-feira, estendendo a perda no ano para 73%. A empresa deve divulgar o balanço do primeiro trimestre na próxima quinta-feira (18).

Clique aqui para acessar a página do CNN Business no Facebook