FGV: Confiança da indústria no Brasil deve mostrar forte recuperação em junho

Índice de Confiança da Indústria (ICI) deverá aumentar 15,2 pontos em relação ao mês anterior em junho, para 76,6 pontos

Da Reuters
22 de junho de 2020 às 08:22 | Atualizado 22 de junho de 2020 às 08:24
Trabalhadores em linha de montagem de caminhões em fábrica da Mercedes Benz em São Bernardo do Campo, Brasil (27.mar.2018)
Foto: Paulo Whitaker/Reuters

A confiança da indústria no Brasil provavelmente mostrará forte recuperação em junho, registrando a maior variação mensal positiva da série depois de uma melhora na percepção dos empresários sobre a situação atual e sobre os próximos meses.

A Fundação Getulio Vargas informou nesta segunda-feira (22) que a prévia da Sondagem da Indústria sinaliza que o Índice de Confiança da Indústria (ICI) deverá aumentar 15,2 pontos em relação ao mês anterior em junho, para 76,6 pontos. Caso o resultado se confirme, essa será a maior variação mensal positiva já registrada.

"O avanço da confiança em junho é resultado da melhora da avaliação dos empresários em relação ao presente e, principalmente, para os próximos três e seis meses", disse a FGV em nota.

Leia também:
Desregulamentação e novo Bolsa Família estão na agenda pós-crise do governo
Ford retomará produção de veículos no Brasil a partir da semana que vem

O Índice de Expectativas -- que mostra a percepção dos empresários sobre o futuro da indústria -- deve saltar 20,6 pontos, para 75,5 pontos, recuperando nos últimos dois meses mais da metade da queda observada em abril.

Já o Índice de Situação Atual deve mostrar recuperação de 9,2 pontos, para 77,8 pontos, o equivalente a um terço da perda de abril.

A melhora no sentimento dos empresários em relação à indústria ocorre em meio ao relaxamento das medidas de quarentena em importantes centros econômicos do Brasil, como várias cidades do Estado de São Paulo.

Clique aqui para acessar a página do CNN Business no Facebook