Gigante do nordeste, grupo de supermercados Mateus registra pedido para IPO

A empresa tem 137 lojas nas regiões do Norte e Nordeste do país que vendem desde alimentos a móveis e eletroeletrônicos

Carolina Mandl, da Reuters
17 de agosto de 2020 às 15:25 | Atualizado 17 de agosto de 2020 às 15:28

Homem em supermercado: supermacdos do Piauí tem faturamento de quase R$ 10 bilhões

Foto: Reuters/Ajeng Dinar Ulfiana

O Grupo Mateus, operador de supermercados e lojas de atacado, pediu registro para oferta inicial de ações (IPO, na sigla em inglês), estendendo a fila de empresas de diversos setores que estão aproveitando a queda nos juros no país para levantar recursos nos mercados de capitais.

A empresa tem 137 lojas nas regiões do Norte e Nordeste do país que vendem desde alimentos a móveis e eletroeletrônicos. A empresa familiar, que cresceu graças a uma agressiva estratégia de preços, fechou 2019 com faturamento de R$ 9,9 bilhões e lucro líquido de R$ 33 milhões.

Leia também:
CVM alerta para pedidos de IPO mal feitos em meio a correria para a bolsa
Temporada de IPOs na bolsa: vale a pena comprar ação de uma empresa estreante?

A empresa e seus sócios, que incluem o fundador Ilson Mateus, planejam levantar recursos na oferta. Antes de abrir uma mercearia, Mateus foi garimpeiro e vendedor de cachaça.

XP, Bradesco BBI, BTG Pactual, Safra, Banco do Brasil, Santander Brasil e Itaú BBA vão coordenar a operação.

Clique aqui para acessar a página do CNN Business no Facebook