Pague Menos precifica ação a R$ 8,50 em IPO, bem abaixo de faixa indicativa


Paula Arend Laier, da Reuters
31 de agosto de 2020 às 19:47
B3
Foto: Leonardo Benassatto/Reuters

A rede de varejo farmacêutico Pague Menos levantou R$ 746,9 milhões em oferta inicial de ações (IPO, na sigla em inglês), precificada nesta segunda-feira a R$ 8,50 por papel, bem abaixo da faixa indicativa no prospecto preliminar da operação.

A oferta consiste apenas de um lote primário de ações, o que significa que todo o montante captado será destinado para o caixa da empresa.

Leia também: 
Nissei, Le Biscuit, Pague Menos: 'fila' de IPOs no país já tem 40 empresas

De acordo com o documento divulgado no mês passado, a faixa estimativa de preço era entre R$ 10,22 e R$ 12,54 por papel.

Após a oferta, o capital social da companhia passará para R$ 1,1 bilhão, distribuído em 430.600.043 ações.

A estreia das negociações na B3 está prevista para 2 de setembro, sob o código PGMN3. O grupo, apoiado pela General Atlantic, destinará os recursos para financiar seu crescimento.

Itaú BBA, Credit Suisse, JPMorgan, XP, Santander e BB Investimentos são os coordenadores da transação.

Clique aqui para acessar a página do CNN Business no Facebook