Bmg e Creditas vão oferecer crédito com garantia de imóveis por 0,84% mais IPCA

Parceria entre o banco e a fintech tem como objetivo conceder empréstimos mais baratos com prazos longos. O financiamento também pode ser atrelado a veículos

Natália Flach, do CNN Brasil Business, em São Paulo
09 de outubro de 2020 às 05:00 | Atualizado 09 de outubro de 2020 às 10:53
Imóveis: as propriedades não precisam estar quitadas para serem usadas como garantia
Foto: CNN (29.jun.2020)

O banco Bmg e a fintech Creditas firmaram uma parceria para oferecer crédito com garantia de imóveis e de veículos. A ideia é ampliar o leque de ofertas disponíveis hoje para os 4,5 milhões de clientes da instituição financeira, incluindo a modalidade que tem taxas menores combinadas com prazos longos.

Os financiamentos com lastro em imóveis — que, aliás, não precisam estar quitados — partem de uma taxa de 0,84% mais IPCA ao mês. Com uma carência de 90 dias, o tomador tem até 240 meses para pagar. Já o financiamento pode chegar a 60% do valor da unidade.

Por sua vez, os créditos com lastro em veículos custam a partir de 1,49% por mês e o cliente tem até 60 meses para pagar. 

Leia também:
Nubank faz teste de cartão de crédito sem rotativo, que será concluído em 2021
Easynvest lança empréstimo de R$ 1 mil com garantia de investimentos

"Os clientes podem fazer a contratação por meio dos canais digitais ou das lojas do Bmg", diz Flavio Pentagna Guimarães Neto, diretor de estratégia de mercado e analytics do banco. "Em mercados mais maduros, o home equity é a principal linha de crédito do país", acrescenta.

Segundo Gustavo Pagotto, diretor de canais e parcerias da Creditas, é comum que pessoas com dívidas mais caras, como as do rotativo do cartão de crédito, migrem para esse tipo de financiamento. "O tíquete médio do crédito lastreado em veículo é de R$ 20 mil, enquanto o do home equity é de R$ 200 mil."

Em geral, os interessados pelo crédito com garantia de veículo têm a resposta em até dois dias úteis, enquanto os tomadores de home equity podem ter de aguardar de 15 a 45 dias.

É bom lembrar que, no empréstimo com garantia, o cliente deve ter um imóvel ou um veículo registrado em seu nome ou em nome de um parente de primeiro grau. A partir da assinatura do contrato de empréstimo, a propriedade passa a ser a garantidora do pagamento das parcelas, mas o tomador pode usufruir dela como quiser. Não é necessário desocupar a casa, por exemplo.

Clique aqui para acessar a página do CNN Business no Facebook