Documento de carro será 100% digital em 2021 em São Paulo

O Certificado de Registro de Veículo (CRV) e o Certificado de Licenciamento (CRLV) serão unificados em um único documento digital, disponível via aplicativo

Mariangela Castro, do CNN Brasil Business, em São Paulo*
05 de janeiro de 2021 às 12:26 | Atualizado 05 de janeiro de 2021 às 15:20

 

A digitalização chegou ao mundo automotivo. Proprietários de carros de São Paulo já podem ter os documentos veiculares unificados no celular.

Desde a última segunda-feira (4), começou a valer a resolução do Conselho Nacional de Trânsito (Contran) que unifica as documentações em formato eletrônico. O aplicativo é nacional, porém, segundo Detran-SP, cada estado pode decidir se irá ou não aderir à mudança.

O novo documento chamado CRLV-e junta o Certificado de Registro de Veículo (CRV) e o Certificado de Licenciamento (CRLV). Ou seja, funciona como um substituto do documento verde obrigatório que você precisa carregar na carteira toda vez que sai de carro.

De acordo com o Detran-SP, essa resolução pretende trazer mais praticidade ao cidadão, que poderá acessar a documentação de seu automóvel diretamente de seu smartphone, evitando o antigo documento impresso em papel verde.

Leia também:
Preço da comida não deve subir tanto em 2021 — mas vai continuar alto
IPVA 2021: pagamento antecipado de cota única começa nesta segunda (4) em SP

Esse novo documento poderá ser expedido por todos os condutores após a quitação de débitos, encargos e multas de trânsito. 

Para fins de fiscalização do novo CRLV-e, o condutor pode apresentar o documento em sua versão digital, via aplicativo, ou mesmo imprimi-lo em papel comum. A impressão, porém, não é obrigatória.

Tire suas dúvidas sobre a nova documentação

Sim, para todos os veículos adquiridos antes do dia 4 de janeiro de 2021.

O Documento de Transferência do seu Veículo já será totalmente digital.

O procedimento continuará igual ao atual. A entrega do CRV original com reconhecimento de firma (ou nota fiscal e decalque do chassi-veículo zero km) continua obrigatória no momento de compra e venda, mediante agendamento pelo portal do Detran ou Poupatempo.

É necessário solicitar a Autorização para Transferência de Propriedade do Veículo em meio digital (ATPV-e).

*Com supervisão de Natália Flach