Bahia vai buscar interessados na China pela fábrica da Ford em Camaçari


Iuri Pitta
Por Iuri Pitta, CNN  
11 de janeiro de 2021 às 17:09 | Atualizado 11 de janeiro de 2021 às 17:46

O governador da Bahia, Rui Costa (PT), vai tentar atrair empresários da China para investirem no ramo automotivo do estado após a decisão da Ford de encerrar a produção de veículos no Brasil. A fabricante tem uma de suas principais unidades em Camaçari, importante polo industrial baiano.

Costa foi informado em reunião virtual com representantes da Ford sobre o encerramento das linhas de produção - a marca vai atuar no Brasil apenas com modelos fabricantes fora do país, como em unidades da Argentina e do Uruguai. O governador lamentou o fato, dada a importância socioeconômica da fábrica para o estado.

Assista e leia também

Ford anuncia fim da produção no Brasil e fechamento de três fábricas

DPVAT: Saiba por que o seguro não será cobrado neste ano

BB aprova reorganização que prevê fechar 112 agências e desligamento de 5 mil

Além de já ter entrado em contado com a Embaixada da China no Brasil, para buscar eventuais investidores, o governador pretende criar um grupo de trabalho com a Federação das Indústrias da Bahia para discutir alternativas para a fábrica.

O impacto no emprego, segundo o Sindicato dos Metalúrgicos de Camaçari, seria de 10 mil postos de trabalho.

Ford Camaçari

Foto: Reprodução/ Ford