Apple vende 11 iPhones por segundo puxada pela China e surpreende analistas

Na prática, é como se a Apple tivesse vendido US$713 milhões em iPhones em cada dia desse quarto trimestre

Fernando Nakagawa
Por Fernando Nakagawa, CNN  
28 de janeiro de 2021 às 07:26 | Atualizado 28 de janeiro de 2021 às 12:19

 

Os analistas já previam que a Apple terminaria o último trimestre de 2020 com uma boa performance, mas não imaginavam que os números seriam tão impressionantes como os que foram divulgados ontem. O lucro de US$ 28,8 bilhões representa uma alta de 29%, bem maior do que a previsão de 6,3% do mercado. Na prática, é como se a Apple tivesse vendido US$713 milhões em Iphones em cada dia desse quarto trimestre. É como se você piscasse e onze Iphones 12 mini fossem vendidos em um segundo!

Neste episódio do Abertura de Mercado, ouça também sobre a articulação do governo federal para impedir a greve dos caminhoneiros. Entenda os números que fizeram de 2020 o novo boom do financiamento imobiliário e a disputa judicial envolvendo a Via Varejo e o Grupo Big. Lá fora, Joe Biden segue com mudanças na política ambiental, e assina novos decretos que desagradam a indústria petroquímica. Por fim, você também ouve a história de como um grupo em uma rede social fez investidores de Wall Street perderem bilhões nesta quarta-feira (27). 


Abertura de Mercado
Capa do podcast Abertura de Mercado SEM LOGO do CNN Business
Foto: CNN Brasil

 


Na agenda desta quinta-feira (28), a Fundação Getúlio Vargas divulga a inflação de janeiro. Sai também a pesquisa PNAD Contínua com a taxa de desemprego em novembro. O Banco Central também divulga os dados do mercado de crédito em dezembro e no fechado de 2020. O Tesouro Nacional também divulga o emprego formal medido pelo Caged em dezembro. Nos Estados Unidos, saem os dados do PIB norte americano no quarto trimestre.