Samsung Galaxy S21, S21+ e S21 Ultra chegam ao Brasil por a partir de R$ 5.999

Nenhum vem com adaptador de tomada ou fone de ouvido na caixa --uma tendência copiada após a Apple adotar essa estratégia no iPhone 12

Caio Carvalho, colaboração para o CNN Brasil Business
09 de fevereiro de 2021 às 14:25
Samsung Galaxy S21, S21+ e S21 Ultra
Foto: Divulgação

Menos de um mês após revelar os novos dispositivos da linha Galaxy S21 internacionalmente, a Samsung confirmou nesta terça-feira (9) a chegada dos aparelhos ao Brasil: S21, S21+ e S21 Ultra.

Os smartphones, que já chegam com suporte às redes 5G, entram em pré-venda nesta quarta-feira (10) e serão lançados nas lojas no dia 5 de março, quando se encerra o período promocional. Os preços variam entre R$ 5.999 e R$ 10.499, dependendo do modelo escolhido. 

Nenhum vem com adaptador de tomada ou fone de ouvido na caixa --uma tendência copiada após a Apple adotar essa estratégia no iPhone 12. 

Separamos abaixo os detalhes sobre cada um deles.

Galaxy S21 e S21+

Galaxy S21 e S21+
Foto: Divulgação

Ambos são pequenas atualizações do Galaxy S20 lançado no ano passado. Eles possuem telas de 6,2 polegadas, para o S21, e 6,7 polegadas, para o S21+, mas agora nas novas versões o display não possui mais uma leve curvatura nas laterais. Outra mudança é que a Samsung diminuiu a resolução do painel em comparação com a geração anterior: em vez de uma tela Quad HD+ (3.200 × 1.440 pixels), os dois telefones ganharam um display Full HD+ (2.400 × 1.080 pixels), com taxa de atualização dinâmica entre 48 Hz a 120 Hz.

Por dentro, eles rodam o processador Exynos 2100 octa-core de 5 nanômetros e 8 GB de memória RAM que, em conjunto, garantem uma performance 30% superior ao Galaxy S20 e 20% a menos no consumo de energia. A bateria varia de 4.000 mAh, para o S21, e 4.800 mAh, no S21+, e nenhum vem com adaptador de tomada ou fone de ouvido na caixa --uma tendência copiada após a Apple adotar essa estratégia no iPhone 12. Já a parte traseira do S21 passou a ser feita em plástico; somente os modelos S21+ e S21 Ultra continuam com a traseira em vidro.

No quesito câmeras, tanto o Galaxy S21 quanto S21+ oferecem três sensores na parte traseira: principal de 12 MP, ultra-angular de 12 MP e teleobjetiva de 64 MP com zoom híbrido de 3x, além de uma câmera para selfies com 10 MP.

Galaxy S21 e S21+
Foto: Divulgação

O Galaxy S21 será vendido em uma única opção: 128 GB de armazenamento interno e 8 GB de RAM, por R$ 5.999. Enquanto isso, o Galaxy S21+ poderá ser adquirido em duas variantes: uma com 128 GB e 8 GB de RAM, por R$ 6.999, e a outra com 256 GB e os mesmos 8 GB de RAM, por R$ 7.399. Lembrando que ambos os dispositivos não permitem expandir a capacidade interna, que agora é fixa e não tem mais suporte a cartões microSD.

Galaxy S21 Ultra

Galaxy S21 Ultra
Foto: Divulgação

O modelo mais avançado da nova família Galaxy S21 mantém algumas das principais características de seus irmãos. Isso inclui o chip Exynos 2100, compatibilidade com as redes 5G e a ausência de fones de ouvido e adaptador de tomada inclusos na embalagem do produto. O carregador é vendido separadamente e custa R$ 99 na loja oficial da fabricante; o fone de ouvido, por sua vez, sai a partir de R$ 129.

As diferenças começam já na tela Quad HD+, que é maior (6,8 polegadas) e curvada nas laterais, na bateria de 5.000 mAh e na memória RAM, que pode ter 12 GB ou 16 GB. As câmeras também ganharam um upgrade: ao todo, são quatro sensores, sendo a principal de 108 MP, ultra-angular de 12 MP, teleobjetiva de 10 MP com zoom óptico de 3x e mais uma teleobjetiva também com 10 MP e zoom óptico de 10x. A traseira também é de vidro. Já para selfies, a câmera frontal tem 40 MP.

Mas o principal atrativo é o suporte à famosa caneta S Pen, que deixa de ser exclusiva da linha Galaxy Note. No entanto, o acessório, assim como o adaptador de tomada, também é vendido separadamente e custa R$ 299 no site da Samsung.

Galaxy S21 Ultra
Foto: Divulgação

No Brasil, o Galaxy S21 Ultra poderá ser comprado em opções de 256 GB e 12 GB de RAM, por R$ 9.499, e 512 GB e 16 GB de RAM, por R$ 10.499. Também não será possível ampliar a capacidade de armazenamento interno.

Fone sem fio e SmartTag

Além dos anúncios envolvendo os smartphones Galaxy, a Samsung aproveitou o evento online para apresentar dois novos produtos no ecossistema de dispositivos da empresa.

Os Galaxy Buds Pro são fones de ouvido totalmente sem fio que trazem como novidades a tecnologia de cancelamento de ruído que, de acordo com a Samsung, é capaz de bloquear 99% do som externo. Ele vem ainda com um “som espacial”, para aumentar a sensação de imersão ao ouvir uma música ou filme, e um modo ambiente que se ativa sozinho ao perceber que o usuário está falando. Há também proteção IPX7 contra água e poeira, e sua bateria oferece até 18 horas de autonomia em conjunto com o estojo de carregamento.

As vendas do Galaxy Buds Pro também se iniciam em 5 de março, por R$ 1.399.

Galaxy Buds Pro
Foto: Divulgação

Outra novidade anunciada pela Samsung são as SmartTags. Trata-se de um pequeno acessório que lembra um chaveiro e pode ser colocado em mochilas, chaves ou perto de objetos que você considera importante.

O objetivo é ajudar na localização dessas peças caso você as perca ou não se lembre de onde as deixou. As tags se conectam por Bluetooth e, por enquanto, só serão compatíveis com aparelhos da linha Galaxy, da própria Samsung. Os preços variam entre R$ 199 (1 unidade), R$ 329 (2 unidades) e R$ 549 (4 unidades).

SmartTags da Samsung
Foto: Divulgação