Bolsonaro criou nuvem de incerteza sobre a Petrobras, diz ex-ministro da Fazenda

Maílson da Nóbregra também criticou a fala de Bolsonaro de que a Petrobras estava operando com os preços de combustíveis “errados”

Da CNN, em São Paulo
22 de fevereiro de 2021 às 16:45 | Atualizado 22 de fevereiro de 2021 às 16:51

Em entrevista à CNN, o economista e ex-ministro da Fazenda, Maílson da Nóbrega, falou sobre a decisão do presidente Jair Bolsonaro (sem partido) de indicar novo comando para a Petrobras e os impactos dessa alteração no mercado. 

Segundo Maílson, a decisão de Bolsonaro cria um clima de incerteza na empresa, que nesta segunda-feira (22) viu seus papéis despencarem na bolsa.

“Bolsonaro criou uma nuvem de incerteza sobre a Petrobras. É uma intervenção terrível e humilhante para o ministro da Economia, porque o Castello Branco é amigo de Paulo Guedes e sai de forma cruel do cargo que assumiu com competência,” disse Nóbrega.

 

O ex-ministro da Fazenda também criticou a fala de Bolsonaro de que a Petrobras estava operando com os preços de combustíveis “errados”.

“Se Bolsonaro falou que os preços estavam errados, é porque ele não concorda com o valor. Para ele, o preço certo pode ser aquele que agrada os caminhoneiros. A interferência desastrosa gera incerteza. Será que amanhã Bolsonaro vai demitir o presidente do Banco do Brasil? Vai controlar o preço da energia elétrica? O presidente diz algo hoje e outra coisa amanhã, isso o torna alguém não confiável para os mercados.”

 

Fachada Petrobras Rio de Janeiro
Fachada da sede da Petrobras, no Rio de Janeiro (16.Out.2019)
Foto: Sergio Moraes/ Reuters

 (Texto publicado por Ligia Tuon)