Johnson & Johnson abre inscrição para trainees e Raízen tem 770 vagas de estágio

O salário inicial dos trainees na farmacêutica é de R$ 7 mil, enquanto o dos estagiários na controladora dos postos Shell é de R$ 1.735

Wesley Santana, colaboração para CNN Brasil Business, em São Paulo
18 de março de 2021 às 12:40 | Atualizado 18 de março de 2021 às 12:40
Vacina da Johnson & Johnson contra Covid-19
Vacina da Johnson & Johnson contra Covid-19
Foto: Dado Ruvid/Reuters (9.fev.2021)

 

A farmacêutica Johnson & Johnson abriu, nesta semana, inscrições para o seu Programa de Trainee Internacional de Finanças que tem salário inicial de R$ 7 mil. As oportunidades são para estudantes e recém-graduados de todas as áreas do conhecimento, com atuação remota neste primeiro momento.

Este programa é específico para um projeto global da companhia, portanto, um dos pré-requisitos é o nível de inglês avançado. Isso porque os selecionados terão contato com funcionários da J&J de outros países todos os dias. Os contratos terão duração de até dois ano e meio. 

Além do salário, a empresa oferece diversos benefícios, como assistência médica, descontos em produtos da marca, previdência privada e bônus anual. São aceitos candidatos formados a partir de julho/2019 e com conclusão prevista para julho/2021.

Embora a atuação do trainee seja remota no início do contrato, os funcionários da empresa devem retornar aos escritórios assim que a pandemia passar. Por isso, a companhia pede que os candidatos tenham disponibilidade para trabalhar em São Paulo ou em São José dos Campos, onde ficam as filiais da marca.

O processo seletivo tem inscrições abertas até o próximo dia 25 de março e será conduzido em quatro etapas, todas online. A previsão é que os selecionados comecem a trabalhar no dia 1º de julho, no modelo job rotation (rotação de trabalho, em português), que vai permitir que atuem em diversas áreas da multinacional.

A diretora de RH da J&J, Betina Lackner, diz que esse sistema de rotação proporciona uma experiência de aprendizado diferenciada e propicia que os trainees aperfeiçoem suas competências, tornando-se líderes. “Os participantes terão a oportunidade de aprender e demonstrar diversas habilidades, como o trabalho em equipe, a gestão de riscos e protagonismo, alinhando seus valores pessoais às crenças da empresa” ressalta.

Raízen tem 770 vagas para estágio e aprendiz

Já a Raízen, que controla a marca Shell no Brasil, está em busca de estagiários. A companhia informou, nesta semana, que tem 770 vagas abertas para o programa Talentos Raízen 2021, que contempla estágio e aprendizagem, sem a necessidade de comprovar nível de inglês ou experiência profissional anterior.

As vagas de estágio também são para estudantes de qualquer curso de graduação que tenham disponibilidade para estagiar seis horas por dia ou 30 horas semanais, com previsão de formatura para um ou dois anos. 

Já os aprendizes precisam ter ensino fundamental, médio ou técnico completo, além de disponibilidade para jornada de trabalho de 20 horas semanais, sendo quatro horas diárias entre capacitação teórica e prática. Nesta modalidade, podem se inscrever jovens com até 21 anos. 

O processo seletivo segue aberto até 7 de abril e os interessados devem se candidatar na página de talentos. O salário para os estagiários é de R$ 1.735, além de benefícios como vale-refeição, assistência médica, seguro de vida e horário flexível.

Para Paula Benevides, vice-presidente de RH, com este processo, a empresa quer desenvolver novos talentos e juntar propósitos para que cada jovem seja protagonista de sua própria história. "Apostamos na nossa capacidade de oferecer diferentes formas de energia para mobilizar pessoas. Além disso, contamos com a força de um time diverso, que nos desafia a cada dia e nos ensina a ir além, do campo aos postos Shell de todo o Brasil”, conclui.