Delivery de comida cresce 45% em São Paulo com agravamento da Covid-19

Número de pedidos aumentou 29% no estado de São Paulo segundo dados enviados com exclusividade ao CNN Brasil Business

Tamires Vitorio, do CNN Brasil Business, em São Paulo
22 de março de 2021 às 13:46 | Atualizado 02 de abril de 2021 às 22:35

Os pedidos realizados em aplicativos de delivery de comida aumentaram 44,5% na cidade de São Paulo com o agravamento da Covid-19 e o endurecimento das regras de distanciamento social entre os dias 15 e 19 de março quando comparados ao período do dia 1º a 5 deste mês.

No estado, houve um aumento de 29%, segundo a Goomer, startup com foco na transformação digital do setor de alimentos.

O motivo para o crescimento, segundo a startup, foi o endurecimento das medidas restritivas do governo de São Paulo e o agravamento da Covid-19, que fizeram com que mais pessoas ficassem em casa e que restaurantes fossem fechados, passando a realizar entregas por meio de aplicativos.   

Delivery; comida; apps de delivery
Foto: Capuski / Getty Images

 

Na capital, o aumento mais substancial foi em frutos do mar (2133%), culinária internacional (236%) e sobremesas (122%). Não foi muito diferente no estado com a demanda por frutos do mar subindo 161% e culinária internacional, 146%.