Pequenos negócios apostam na digitalização de serviços durante a pandemia

Pequenos negócios podem concorrer com empresas maiores através da digitalização

Sandro Zeppi, da CNN, em São Paulo
13 de abril de 2021 às 16:30

 

A tecnologia se tornou a maior aliada dos micro e pequenos empreendedores durante a pandemia. Foi graça a ela que muitos negócios conseguiram driblar a crise econômica e competir com empresas maiores.

Para dar um fôlego extra e ampliar os horizontes, a Cielo fechou uma parceria com uma gigante da internet para oferecer um serviço novo aos micro e pequenos empresários, que podem criar sua loja virtual e fazer propaganda na web. Até o momento, a ferramenta possui mais de 600 mil clientes em potencial que podem acelerar os seus negócios digitais.

Com o aumento das vendas on-line, o segmento de logística avançou muito durante a pandemia. A Loggi, por exemplo, cresceu 360%, atendendo grandes e pequenos negócios, ao realizar 300 mil entregas por dia em todo o país.

O vice-presidente de vendas da Loggi, Ariel Herszenhorn, diz que o aumento nos negócios foi alavancado pelo uso da tecnologia. Via app é possível contratar o serviço de entrega — que coleta o produto, pesa e mede para então ser transportado de acordo com a cidade e a região da encomenda. O produto fica no máximo três horas no galpão e pode chegar ao destino no mesmo dia ou no dia seguinte.

“A gente está viabilizando a entrega de um pequeno vendedor, que tipicamente vendia dentro do próprio bairro, para o Brasil inteiro. Isso tem um efeito enorme e o coloca em pé de igualdade com um grande vendedor,” disse Herszenhorn.

Celular Android
Pessoa segura telefone celular com sistema operacional Android
Foto: Daniel Romero/Unsplash