Tesla anuncia lucro recorde de US$ 1 bilhão e ganho com bitcoins no 1º tri

Foram US$ 9 bilhões de faturamento entre janeiro e março, um pouco menos do que o registrado no quarto trimestre

Chris Isidore, do CNN Business, em Nova York
26 de abril de 2021 às 18:24 | Atualizado 27 de abril de 2021 às 01:17

A Tesla divulgou nesta segunda-feira (26) os resultados do primeiro trimestre de 2021. E teve recorde: a empresa registrou lucro líquido de US$ 1 bilhão pela primeira vez em sua história. 

Foram US$ 9 bilhões de faturamento entre janeiro e março, um pouco menos do que o registrado no quarto trimestre, mas, mesmo assim, o número representa um aumento de 75% em relação ao primeiro trimestre de 2020. 

A receita caiu um pouco porque a Tesla parou de fabricar seus dois modelo mais caros (Model S e Model X) enquanto se preparava para lançar novas versões desses carros, além de ter lidado com uma escassez de chips que impactou toda a indústria automobilística. 

Tesla Model Y, um dos modelos disponíveis para assinatura no Brasil
Foto: Divulgação/Tesla

 

Essa escassez de chips foi superada “avançando rapidamente para novos microcontroladores e, simultaneamente, desenvolvendo tecnologia para chips de novos fornecedores”, disse a empresa. A Tesla ainda afirmou que as entregas do novo Model S devem começar “em breve”, mesma previsão dada na divulgação de resultados do trimestre anterior. 

O investimento em bitcoins também ajudou o caixa da Tesla. A empresa havia divulgado anteriormente um investimento de US$ 1,5 bilhão na criptomoeda e, agora, afirma que conseguiu um lucro de US$ 101 milhões com a venda do ativo.