B3 cancela negociações de ações preferenciais e ordinárias do Banco Modalmais

As transações de Units (MODL11) feitas nos últimos dois pregões não serão afetadas pela decisão

Leonardo Guimarães, do CNN Brasil Business, em São Paulo*
03 de maio de 2021 às 18:44
Ibovespa; Bolsa de valores
Foto: NurPhoto/Getty Images

A B3 (B3SA3) comunicou que todos os negócios com as ações ordinárias e preferenciais do Banco Modalmais realizados entre a última sexta-feira (30) e hoje (3) serão cancelados.

As transações de Units (MODL11) feitas nos últimos dois pregões não serão afetadas pela decisão. Apenas os negócios envolvendo MODL3 e MODL4 não serão liquidados. 

Uma fonte próxima ao assunto explicou ao CNN Brasil Business que o problema está no desmembramento de Units. Quando o investidor compra uma Unit, está comprando, na prática, um pacote de ativos. No caso da Unit disponibilizada pelo Modalmais, estão no pacote uma ação ordinária (MODL3) e dois recibos de ações preferenciais (MODL4).

Acontece que alguns investidores tentaram desmembrar essas Units e vender os recibos de ações preferenciais separadamente. O objetivo, claro, era lucrar, mas os recibos de MODL4 não são os papéis em si. 

Agora, quem comprou e vendeu Units não terá sua carteira alterada. Já quem negociou ações preferenciais e ordinárias ainda não poderá contar com os ativos e o dinheiro investido vai retornar ao bolso de quem comprou. 

De acordo com a B3, a decisão foi baseada em uma norma do "regulamento de negociação" que permite à bolsa cancelar operações que possam apresentar "risco ao funcionamento e à estabilidade dos mercados" e aos "processos de compensação e liquidação".

*Com Estadão Conteúdo