EUA terão retomada mais rápida em quase 40 anos nos próximos meses, diz Biden

Desde que eu assumi o cargo, criamos 1,5 milhão de empregos, destacou o democrata durante discurso

Por Iander Porcella, do Estadão Conteúdo
10 de maio de 2021 às 19:57
Presidente dos EUA, Joe Biden, em Washington
Presidente dos EUA, Joe Biden, em Washington
Foto: Erin Scott/Reuters (2.abr.2021)

 O presidente dos Estados Unidos, Joe Biden, afirmou nesta segunda-feira (10) que o país deve ter, nos próximos meses, a retomada econômica mais rápida em quase 40 anos.

Durante um discurso, o democrata citou projeções de analistas feitas após a aprovação do pacote fiscal de US$ 1,9 trilhão em março deste ano. "Desde que eu assumi o cargo, criamos 1,5 milhão de empregos", comemorou o chefe da Casa Branca.

Segundo o democrata, o foco do governo se manterá em criar empregos e combater a pandemia de Covid-19. "Estamos indo na direção certa", declarou.

Biden também voltou a questionar a avaliação feita por alguns analistas segundo a qual os benefícios de seguro-desemprego do governo desestimularam a busca por trabalho.

Divulgado na sexta-feira (7) o relatório de empregos de abril mostrou a criação de 266 mil vagas nos EUA. No entanto, a mediana das estimativas dos analistas consultados pelo Projeções Broadcast indicava geração de 1 milhão de postos.

"Vamos deixar claro que qualquer pessoa que receber uma oferta de trabalho adequada deve aceitar o emprego ou perderá o seguro-desemprego", afirmou Biden.

Na visão do democrata, as pessoas voltarão a trabalhar se receberem um salário "decente".

De acordo com ele, as empresas que oferecem salários "justos" e um ambiente de trabalho seguro encontrarão muitos trabalhadores.